Crowne Plaza adere às notas fiscais eletrônicas

0
0


O hotel Crowne Plaza São Paulo é uma das empresas pioneiras na utilização da nota fiscal eletrônica (NF-e), lançada na última terça-feira (dia 6) pela Prefeitura de São Paulo e pela Secretaria Municipal de Finanças com o objetivo principal de reduzir a carga tributária paga pelos moradores e empresas situadas na capital paulista. Isso porque os tomadores de serviços poderão ter até 50% do valor do IPTU abatido, originado de créditos recebidos sobre os valores dos serviços constantes nas respectivas notas fiscais eletrônicas.

C
om a novidade, todas as notas emitidas desde o dia 1º de junho serão transformadas em notas fiscais eletrônicas e os hóspedes receberão um e-mail avisando que o documento está disponível para consulta e impressão via Internet.

Atualmente são emitidas mensalmente pelo hotel cerca de três mil notas fiscais e a alteração resultará tanto em benefícios econômicos quanto gerenciais para a unidade. “A nova sistemática facilitará o controle operacional e administrativo da utilização das notas. Haverá uma grande diminuição na quantidade de documentação, além da redução de custos, já que não precisaremos mais confeccionar formulários contínuos em gráfica. O espaço onde se encontram os arquivos desses documentos também será mais bem aproveitado”, explica Mônica de Arruda Pereira, contadora do Crowne Plaza.

Preocupado em esclarecer aos hóspedes do hotel eventuais dúvidas sobre o novo sistema que está sendo adotado, o Crowne Plaza preparou um informativo a ser distribuído aos clientes.