Despachante e concessionárias prejudicam clientes com esquema ilegal em S. J. Rio Preto

0
1

O escritório de despachante Tolentino em São José do Rio Preto mantém, há pelo menos cinco anos, um esquema ilegal de venda casada em 11 das 12 concessionárias de veículos da cidade. Para qualquer aquisição de automóveis zero quilômetro, os funcionários desses estabelecimentos são orientados a “empurrar” ao consumidor os serviços do Tolentino. O acordo, segundo o Procon, fere o Código de Defesa do Consumidor na medida em que inibe a livre escolha dos serviços de despachante por parte do cliente. A advogada Mara (nome fictício) viveu na pele as conseqüências da venda casada. Em agosto de 2004 ela conprou um Fiat Palio. O licenciamento seria pago pela Fiat apenas se Mara fizesse o serviço pelo despachante indicado. Como já tinha um escritório da confiança dela, a advogada negou a proposta. Por fim, o licenciamento foi feito pelo escritório escolhido por Mara e o Tolentino repassou o dinheiro para o concorrente.