Dez dicas de ouro para sua empresa

0
1


– O sucesso de uma empresa é fruto 95% de uma boa gestão e 5% de tecnologia. É necessário ter consciência de que aprender a administrar o negócio é garantia de sobrevivência. (Sylvio Rosa, presidente do ParqTec de São Carlos – SP)

– Apesar de difícil, deve-se evitar começar um negócio apaixonadamente. Nessas condições, é comum gastar demais em itens desnecessários e em hora inapropriada. Por mais difícil que pareça, é preciso ser racional, prever gastos e ter um bom plano de trabalho.(Sylvio Rosa)

– Verifique as estratégias de sua empresa. Algumas têm tantas metas, que não conseguem terminar o ano cumprindo sequer a metade delas. Estabelecer parâmetros inatingíveis gera desgaste, desperdício e frustração. Portanto, estabeleça poucas e fortes estratégias e desdobre-as para saber exatamente o que fazer para atingir meta por meta. (Sinval Daffre, consultor e diretor do Six Sigma Institute do Brasil)

– Valorize a “voz do cliente”. Saiba que o cliente é rei e que se sua empresa não atender às exigências dele, terá investido tempo, dinheiro e esforços em um produto ou serviço que não vai vender. (Sinval Daffre)

– Fique atento ao custo de garantia. Se o produto ou serviço for bem feito, você evitará perder dinheiro e tempo em refazer e arcar com custos que não estavam embutidos no preço final. Portanto, capriche na qualidade. (Sinval Daffre)

– Uma pergunta básica a se fazer é: “Quanto o mercado pagaria pelo meu produto?” O ideal é investir em projetos que se antecipem e atendam à demanda de mercado. (Marcelo Fernandes, sócio da Mentor Tecnologia)

– Geralmente, são os funcionários de nível hierárquico mais baixo – o chamado “chão de fábrica” – que fazem a coisa acontecer. E isso se aplica não só à produção, mas a todas as atividades da empresa. Por que, então, não capacitar mais fortemente esses funcionários? Por que não qualificar essa parte da força de trabalho tão importante para a empresa? (Enio Feijó, diretor do Six Sigma Institute do Brasil)

– Aprimore os canais de comunicação com seu cliente interno. É preciso contar com pessoas motivadas e que se sintam respeitadas e amparadas pela instituição. Funcionário que se sente acolhido e valorizado, geralmente transforma essa satisfação em bom desempenho profissional, resultando em serviço de alta qualidade. A implantação de um serviço 0800 é um precioso canal para que o funcionário possa receber orientações sobre benefícios, tirar dúvidas, sugerir melhorias ou elogiar procedimentos. (Paulo Magalhães, diretor de operações da Brasanitas Serviços Integrados)

– Na busca por maior comprometimento entre empresa e empregados, vale ser criativo. Por que não instituir, uma vez por semana, um café da manhã com a direção da empresa? Basta que seja organizado um sorteio entre os colaboradores, onde um número determinado (entre dois e seis funcionários) participa do evento que objetiva estabelecer um relacionamento de confiança, onde dúvidas são esclarecidas e transmitidas, em seqüência, a todos os demais empregados. (Paulo Renato Ketzer de Souza, presidente da Parks SA Comunicações Digitais)

– Na vida, é muito difícil definir qual é o melhor momento para assumir riscos. Então, o melhor momento é aquele que você consegue tornar realidade uma coisa que está perseguindo. Se teria sido melhor esperar mais um ano ou não, só o tempo vai dizer. Como o ótimo é inimigo do bom, na hora em que acontecer o bom, faça. (George Schahin, presidente do Hospital Santa Paula)