Dia das Mães aquece o comércio

0
5
O Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) registrou aumento de 3,9% na comparação dos primeiros 10 dias de maio deste ano com o mesmo período do ano anterior. As consultas ao UseCheque cresceram 6,8%. Os dois sistemas resultam num movimento médio 5,4% maior em relação a 2006.
 
O frio, segundo o presidente da ACSP, Alencar Burti, alterou radicalmente a tendência verificada anteriormente, onde as compras a prazo registravam maior crescimento. “Estes números são um retrato do momento e confirmam a nossa previsão de um crescimento geral entre 5% e 6% para o Dia das Mães deste ano. O frio surpreendeu e o consumidor passou a comprar mais vestuários e calçados, mas nada impede que, tão logo o frio passe, voltem a ficar mais fortes a venda de eletroeletrônicos e com isso o crediário cresça mais que as compras à vista”, analisa.
 
O presidente frisa que os números de 1º a 10 de maio revelam uma “fotografia de momento”. “Os fatores macroeconômicos que empurravam o crediário continuam, como a queda dos juros, o alongamento dos prazos e o aumento no volume de crédito. Por isso mesmo é que não podemos afirmar que as compras com cheques continuarão na frente do crediário até o fim do mês”, explica Alencar.