EDS anuncia nova unidade em São Bernardo

0
4
A EDS, empresa multinacional de tecnologia de sistemas, vai expandir as atividades em São Bernardo do Campo com a construção de nova unidade no Bairro Batistini, denominada EDS Imigrantes. A nova unidade ocupará as instalações do antigo prédio da Basf. O empreendimento vai gerar quatro mil empregos e demandará investimentos de US$ 20 milhões. O anúncio foi feito nesta terça-feira, dia 17, pelo presidente da empresa, Chu Tung, e o prefeito de São Bernardo, William Dib.
Segundo Chu Tung, os primeiros 400 funcionários iniciarão as atividades na primeira semana de maio. “Até a última etapa, prevista para o mês de outubro, o quadro será completado com mais 3.600 funcionários”. O presidente da EDS informou que 1.500 funcionários trabalharão no atendimento exclusivo para o mercado norte-americano. “A mão-de-obra é extremamente qualificada, pois o perfil técnico dos funcionários é de universitários, que representam 80% dos contratados”, explica.
O prefeito William Dib afirmou que a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo de São Bernardo será responsável pelo suporte logístico para a instalação da nova unidade. Segundo o prefeito, a Lei de Incentivos Seletivos, a mão-de-obra qualificada e o Programa São Bernardo Moderna foram fatores determinantes para a decisão da empresa em expandir suas atividades na cidade.