Evento de um dia, experiência longa

0
1
A expectativa dos clientes quanto ao Black Friday é grande. Enquanto eles esperam pelas ofertas e descontos, é o momento dos varejistas aproveitarem a maior procura dos consumidores pelas compras e os conquistarem. A fim de procurar saber o quanto as pessoas aguardam pelo evento, o site comparador de preços e produtos, Zoom, realizou uma pesquisa, na qual revela que 99% delas pretendem comprar na Black Friday e 59% confiam que encontrarão descontos reais. “Esses dados mostram que a data está ganhando cada vez mais força no Brasil e conquistando a confiança dos consumidores. Portanto, o evento deve contribuir e muito para a o crescimento do e-commerce nesse fim de ano, já que ainda é muito mais forte na internet do que no varejo físico”, declara Thiago Flores, diretor executivo do site. Assim, não é só pela oportunidade de ter novos clientes, mas as empresas também terão a chance de estabelecerem, em apenas um dia, vantagens para si e para o mercado que perdurarão em um longo período.
Ainda de acordo com o estudo, os consumidores estão otimistas de que encontrarão produtos com descontos reais, sendo que 58% pretendem gastar mais de R$ 1.000 e 73% gostariam de antecipar suas compras de Natal. Já com relação aos produtos que desejam comprar, 56% querem investir em um novo smartphone, 43% em uma televisão, 29% em um notebook, 23% em tênis, 21% em tablets, 20% em videogames e 18% em condicionadores de ar. “Assim, participar do evento é uma oportunidade de aumentar significativamente o faturamento de 2014, porque o volume de consumidores que pretendem comprar na ocasião é bem grande e a previsão de tíquete-médio para a data também é bem otimista.”
No entanto, para que a experiência de ambos os lado seja duradoura, é preciso que o e-commerce esteja preparado, atento para não vender mais do que possui no estoque, retirar a oferta do ar quando os produtos acabarem, oferecer descontos reais e que sejam atrativos e, principalmente, investir em infraestrutura no site para que ele não saia do ar por conta da grande quantidade de visitas. “Aqui no Zoom, por exemplo, no ano passado, tivemos um crescimento de 900% em relação a um dia comum, mas já estávamos preparados pois essa demanda era prevista”, conta Flores. Ao cumprir tais passos, fica menor a probabilidade de abalar a confiança do cliente, ao mesmo tempo em que é maior a possibilidade de fortalecer e consolidar a loja no mercado de varejo digital. “O principal é mostrar o diferencial de atendimento em qualquer momento do processo de compra, seja na hora de sanar dúvidas dos clientes ou resolver eventuais problemas logísticos. 
Com o objetivo de ajudar os e-consumidores, o Zoom irá informar sobre as promoções reais por meio do selo Black Friday, monitorando em tempo real as ofertas e comparando com os preços praticados anteriormente. “Uma equipe de especialistas do Zoom estará à disposição no Facebook, Twitter e por e-mail para sanar dúvidas dos consumidores sobre os produtos, prestar suporte para análise da necessidade de compra e preços”, conta Flores. Sem contar que, os clientes que realizarem compras em lojas parceiras do Zoom, e tiverem algum imprevisto na entrega, poderão com o serviço Zoom Garante, que assegura a ele o recebimento do produto comprado ou o dinheiro de volta. “Pretendemos que nossos clientes aproveitem o evento da melhor forma, comprando o(s) produto(s) certo(s) com o melhor preço possível apenas em lojas confiáveis.”

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVarejo no âmbito mundial
Próximo artigoHora de conhecer o cliente