Fabricantes de eletroeletrônicos ansiosos pelo Natal

0
9


Estimativa preliminar da Eletros (Associação Nacional de Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos) é de que as vendas da indústria para o Natal deverão se situar em média 10% acima de igual período do ano passado, tornando possível ao setor crescer entre 12% e 14% no acumulado do ano. Os meses de outubro e novembro, que concentram o grande volume das vendas de Natal, representam cerca de 21,5% do volume comercializado no ano.

“A expectativa é de crescimento em relação ao Natal do ano passado em função do aumento da massa salarial e do crescimento do crédito”, afirma Paulo Saab, presidente da Eletros.

Na linha de imagem e som, os televisores de plasma, LCD, tela plana e os aparelhos de DVD estão entre os produtos que mais devem atrair o interesse dos consumidores neste Natal. Na linha de portáteis, os destaques deverão ser cafeteiras, torradeiras, sanduicheiras, secadores de cabelo e depiladores. Na linha branca, os condicionadores de ar, fornos de microondas e refrigeradores.