Grupo Panashop implanta VPN

0
0


O grupo Panashop, do ramo de varejo de eletroeletrônicos e eletrodomésticos, está trocando a forma de interligar as redes, passando a usar redes virtuais privadas (VPN) no lugar de link privado (Frame Relay). O projeto que custou aproximadamente R$ 100 mil já rendeu ao grupo cerca de 50% de redução de custos em comunicação e dobrou a agilidade da troca de informações entre as lojas Panashop e Best Mix e áreas de apoio.

Essa agilidade e economia eram as principais necessidades do grupo ao procurar a integradora NetMicro. Há dois meses, implantaram a solução na primeira filial. Com o sucesso obtido e as solicitações atendidas, iniciaram a abrangência do projeto. Hoje, já são oito pontos de VPN ativos e a previsão de Fabiano Volpe, gerente de tecnologia do grupo, é de que em no máximo 60 dias todas as 28 lojas e demais áreas da empresa já estejam com a solução implantada.

Segundo Volpe todo o processo ocorreu de forma rápida e eficiente, o que lhe permite já pensar no próximo investimento em tecnologia das duas empresas. O objetivo agora é migrar os softwares para a plataforma DotNet.

Cleomedes Marangoni, gerente de negócios da NetMicro e responsável pelo projeto, acredita que o interesse em implantar nas demais unidades se deu também devido à segurança oferecida pela tecnologia VPN. “O projeto é considerado seguro devido à redundância, de baixo custo e garante alta qualidade na troca de informações entre lojas, escritório central, depósito e outras áreas”, afirma.