IMasters define nova realidade da internet

0
2



A era não é mais da web. As palavras agora são: integração, mobilidade e conectividade. Assim saiu pensando quem acompanhou a sétima edição do IMasters InterCon. O evento, fórum de discussões de tecnologia da informação e internet da América Latina, reuniu mais de 800 participantes nos últimos dias 19 e 20 de novembro (sexta-feira e sábado), no Hotel WTC, em São Paulo.


Com a integração entre o mundo real e o mundo virtual é possível praticar exercícios ouvindo música, lendo e-mails e passando informações de como está sua caminhada ou corrida, isso tudo ao mesmo tempo. Ou, que tal em quanto está no trânsito, comprar on-line um programa relaxante para aliviar a tensão com uma massagem ou um jantar?


“Hoje o digital representa o maior potencial de transformação de negócios. São tecnologias que vieram para ficar, pois são baseadas em ações humanas. Podemos ver a integração entre o real e o virtual em diversos aspectos. Já se apresentam jogos virtuais em plataformas reais; experiências virtuais com desfechos no mundo real; objetos conectados com o mundo virtual que fazem parte do dia-a-dia; interfaces humanas; entre outros”, afirmou Fabiano Coura, Head of Planning da R/GA São Paulo.


A conectividade e a mobilidade aliadas permitem tamanha integração, que é possível andarmos com grande parte de nossas informações usuais em nosso bolso, apenas no celular ou, plataformas móveis, como estão sendo denominados os telefones com mobilidade. Todos estão a um clique de uma mudança de comportamento, na compra online ou nas redes sociais.


“A integração hoje é tão grande, que as redes sociais são os novos e-mails. É algo muito mais pessoal. Agora, quando um internauta navega em sua rede social e vê uma oferta por lá, é algo que aguça, é instantâneo, o resultado é muito mais imediato. A compra coletiva, por exemplo, é algo que leva a pessoa do online para o mundo off line”, falou Julio Vasconcellos, fundador do Peixe Urbano.


A edição 2010 do evento ainda contou com as participações internacionais de Daniel Bergqvist, engenheiro de pré-vendas para o Opera Software, que abordou o desenvolvimento do browser Opera Mini para Mobile; e Chris Hofmann, diretor de engenharia e projetos especiais do Mozilla Labs, que falou sobre o a nova geração de navegadores Mozilla Firefox, entre outros profissionais brasileiros. A apresentação do evento ficou por conta de Manoel Lemos e Luli Radfahrer, PhD em comunicação digital e professor-doutor da USP.