Liberdade conquistada

0
1



No último mês de 2009, a base de dados da ABR Telecom (Associação Brasileira de Recursos em Telecomunicações) registrou o maior volume de pedidos e efetivações de portabilidade numérica desde que o serviço existe no Brasil. Em dezembro, 465.042 solicitações de troca de operadora de telefonia fixa e móvel foram encaminhadas e 387.043 se efetivaram dentro do mesmo mês. A análise da eficiência do processo mostra um índice de 91,8% para dezembro, seguindo a média apresentada a partir da implantação do serviço em todo o País, o que ocorreu em março de 2008.

 

Durante todo o ano de 2009, usuários de 4,2 milhões de telefones fixos e móveis pediram para trocar de operadora e manter o mesmo número, desses, 3,2 milhões concluíram as migrações conforme a expectativa. Nos 12 meses do último ano, o sistema responsável pela portabilidade numérica manteve um índice de eficiência de cerca de 92%. “Isso comprova o alto padrão de performance com que foi estruturado o processo pela Anatel, operadoras e entidade administradora, assegurando o serviço pleno ao impressionante universo de 211 milhões de usuários de telefonia existentes no Brasil”, avalia José Moreira, presidente da ABR Telecom.

 

O salto de eficiência do processo de portabilidade numérica foi significativo neste primeiro ano de existência do serviço. Em janeiro de 2009, quando a portabilidade tinha cumprido quatro meses de seu calendário de implantação gradativa, o índice de eficiência média do processo estava na ordem de 81%. Já no último dia 31 de dezembro, considerando todos os 12 meses de 2009, a eficiência mostra uma média de 91,8 %.