Mandic se adequa a projeto de lei

0
2


O projeto de lei, apresentado pelo Senador Delcídio Amaral (PT-MS), prevê que os provedores brasileiros de Internet devem fazer o cadastro dos usuários e manter os registros das correspondências eletrônicas armazenadas por até 10 anos. A Mandic, empresa desenvolvedora de soluções para e-mail, antes mesmo deste projeto de lei ser criado, fez o registro de todos os usuários e disponibiliza o mandic:anjo.da.guarda, ferramenta que permite armazenar todas as mensagens, inclusive as apagadas da lixeira. Com o cadastro dos usuários e o mandic:anjo.da.guarda, a empresa, além impedir fraudes e oferecer segurança, pode auxiliar na apuração de um eventual processo de crimes cometidos na Internet.