O que emperra o e-commerce?

0
2

O número de usuários de e-commerce se multiplica no País, como mostram muitos estudos. Mas enfrenta alguns entraves muito grandes, para deslanchar, criando barreiras de entrada. A insegurança, forma de pagamento e o processo de entrega. Há ainda questões burocráticas como a regulamentação da distribuição e os processos internos dos próprios serviços. A questão da logística esbarra, por exemplo, na Lei da Entrega Programada, como comenta Mariano Gomide, CEO da Vtex. “Não dá para atender o país todo com dia e hora programada”, destaca. 
Mas, mais um grande aliado da atividade está despontando. A mobilidade. A expectativa do mercado é que o uso dos smartphones fará surgir uma nova modalidade de varejo virtual, em que o cliente poderá pagar absolutamente tudo pelo celular, por exemplo. Além dela, os especialistas veem na disseminação da oferta de banda larga outro grande aliado, lhe permitindo chegar a novas camadas de consumo.
A principal reflexão entre algumas entrevistas exclusivas e artigos selecionados é que a atividade ainda tem muito que explorar e melhorar no Brasil, como fica claro neste nosso trabalho jornalístico, que levam a muitas reflexões. Boa leitura: 
Tecnologia, reforma tributária e iniciativas nacionais foram falhas apontadas em debate
Mobilidade e incentivos do governo são principais causas que colaborarão para o crescimento das vendas virtuais
E-commerce ou mobilidade? Especialistas debatem qual deve ser a prioridade para implementar as vendas
Executivo dá dicas de como proceder para evitar constrangimentos nas compras on-line e na entrega
Mesa redonda com diferentes países discute estratégias para alavancar o varejo virtual
Maior aumento em outubro ocorreu nas lojas on-line de varejo, aponta Ibope
Estratégias direcionadas e e-mail marketing podem ajudar a melhorar ainda mais as vendas

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorStefanini quer crescer 35%
Próximo artigoEntre a cruz e a espada