Open cria solução de segurança para internet banking

0
7

A Open Communications Security, empresa especializada em segurança da informação, está lançando uma solução anti-trojan (contra os programas Cavalo de Tróia) para instituições financeiras. O Secure Keyboard oferece proteção aos usuários de internet banking, dispensando o uso dos teclados virtuais, adotados pelos bancos para garantir mais segurança aos correntistas.

Os Cavalos de Tróia são programas com funções maliciosas que se instalam na máquina do usuário quando ele recebe um e-mail ou conecta-se a websites mal-intencionados. A partir daí, os trojans passam a capturar dados digitados, imagens de teclas clicadas em teclados virtuais e cópias de telas, remetendo-as a destinatários desconhecidos que as usam em fraudes.

Segundo o CEO da Open, Carlos Alberto Barros Costa, até bem pouco tempo os teclados virtuais lançados por diversas instituições financeiras resolviam esse problema, impedindo a ação de trojans conhecidos como key-loggers, que capturam informações digitadas na máquina. Com o aparecimento dos chamados mouse-loggers, os teclados virtuais perderam a efetividade, uma vez que esses trojans copiam a área da tela ao redor da posição do clique do mouse, roubando assim a imagem da tecla virtual pressionada e, com isso, as senhas dos usuários. A grande novidade do Secure Keyboard é que ele oferece um componente de digitação à prova de roubo das teclas pressionadas, impedindo assim a ação desses programas maliciosos e tornando dispensável o uso de teclados virtuais.

Os componentes são autenticados e assinados digitalmente, oferecendo um nível de proteção muito maior ao internet banking que, segundo a Federação Brasileira dos Bancos (Febraban), registrou uma explosão em seu uso, um salto de 177,9%, passando de 820,4 milhões de operações registradas em 2001 para 2,28 bilhões no ano passado.