Oracle quer acordo de fusão

0
16

A Oracle Corporation (ORCL) anunciou que até a meia-noite (EST) de sexta-feira, 228.702,471 ações ordinárias da PeopleSoft, representando mais de 60% das ações em circulação, tinham sido vendidas pela oferta feita pela Oracle de US$ 9,2 bilhões em dinheiro à PeopleSoft. A Oracle enviou uma carta ao Conselho de Diretores da PeopleSoft solicitando uma assembléia a fim de entrar em um acordo final de fusão. “Os proprietários da PeopleSoft se manifestaram e optaram por vender para a Oracle a US$ 24,00 por ação”, disse Larry Ellison, CEO da Oracle. “Estamos preparados para entrar em um acordo definitivo de fusão já a partir deste fim de semana.”

“Acreditamos que seja hora de encerrar esta questão, para bem dos acionistas, clientes e funcionários da PeopleSoft. Estamos prontos para concluir a aquisição e pagar por todas as ações da PeopleSoft em circulação, contanto que as condições restantes sejam cumpridas, as quais estão sob controle do Conselho da PeopleSoft”, disse Jeff Henley, Presidente do Conselho da Oracle. A Oracle está estendendo sua oferta de compra até as 18h00 (EST, 21h00 pelo horário de Brasília) do dia 31 de dezembro de 2004. A cópia da carta enviada ao conselho da PeopleSoft e os documentos da oferta de compra estão disponíveis no site www.oracle.com/peoplesoft.

A solicitação e oferta de compra das ações ordinárias da PeopleSoft são feitas exclusivamente de acordo com a Oferta de Compra e os respectivos materiais que a Oracle Corporation e a Pepper Acquisition Corp. entregaram em 9 de junho de 2003, com emenda e reformulação em 3 de novembro de 2004 e emendas subseqüentes. Os acionistas devem ler cuidadosamente a Oferta Alterada e Reformulada de Compra e os respectivos materiais, pois eles contêm informações importantes, inclusive os termos e condições da oferta. Os acionistas podem obter a Oferta Alterada e Reformulada de Compra e os respectivos materiais gratuitamente no site da SEC em www.sec.gov , junto ao Credit Suisse First Boston LLC, administrador da oferta, à MacKenzie Partners, agente de informações da oferta ou à própria Oracle Corporation.