PeopleSoft investe em capacitação

0
11

A PeopleSoft do Brasil anuncia a expansão das atividades do seu Centro de Desenvolvimento que passa a ter um setor
voltado exclusivamente para os projetos internacionais, além das atividades já consolidadas anteriormente – desenvolvimento,
manutenção e suporte de requisitos legais e práticas de negócio para o Brasil e Argentina. No caso da manutenção, a matriz já designou o time brasileiro para controlar todo o projeto de alguns produtos. É o caso de duas soluções da linha ESA – Enterprise Service Automation, que são mantidas exclusivamente pelos profissionais do Centro de Desenvolvimento da Peoplesoft no Brasil para atendimentos dos clientes de qualquer parte do mundo.
“O crescimento do Centro de Desenvolvimento da PeopleSoft no Brasil é uma demonstração clara da confiança que a nossa matriz deposita no talento e competência da equipe de profissionais da PeopleSoft no Brasil”, afirma Edilson Mary, diretor de
Desenvolvimento para América Latina da PeopleSoft. “Além de atender todos os clientes da PeopleSoft no Brasil e Argentina, passamos a atuar como uma extensão do departamento de desenvolvimento de produtos específicos da PeopleSoft mundial e uma extensão da manutenção e adaptação das soluções da PeopleSoft”. Dividido em duas áreas principais, o novo Centro de
Desenvolvimento Remoto é responsável pela manutenção e adaptação de produtos e também pelo desenvolvimento de novos releases dos produtos globais da PeopleSoft.
“A filial brasileira possui um processo de capacitação muito eficiente, tendo acesso a todas as ferramentas e processos de
treinamento disponíveis na matriz”, explica Edilson Mary. “Além disso, o time brasileiro é formado por 65 profissionais bem treinados nas últimas tecnologia, com uma média de sete anos de experiência na PeopleSoft e que, portanto, conhecem bem todas as ferramentas da empresa e podem responder mais rapidamente a qualquer solicitação”. Outros ingredientes atribuídos ao sucesso alcançado pelo Centro de Desenvolvimento, além da alta performance, são o fuso horário favorável, o baixo “turn over” e a flexibilidade demonstrada pelos profissionais brasileiros.
O Brasil e a India, além da matriz da PeopleSoft, na Califórnia, passaram a ser os principais responsáveis pelo
desenvolvimento dos produtos PeopleSoft. Desde 2002, que os resultados são contabilizados. Isso porque, a equipe liderada por Edilson Mary já participou do desenvolvimento de diversas outras versões das soluções PeopleSoft que foram não apenas criadas pela matriz, como também pela equipe no Brasil e utilizadas globalmente. A filial brasileira participa fortemente das fases de desenho técnico, codificação e testes das ferramentas.