Progress lança curso personalizado à clientes

0
1

A Progress Software, provedora líder de tecnologia e serviços para desenvolvimento de soluções para e-Business, com o objetivo de garantir que suas aplicações fossem utilizadas da melhor forma possível e sua performance atingisse as expectativas, lançou um programa de treinamento personalizado para seus clientes.

Segundo Gustavo Veiga, da área de Treinamento da Progress, o novo modelo de cursos é prático e flexível, evita despesas extras com hospedagem, transporte e alimentação, uma vez que é o instrutor que se desloca até a empresa. “Desta forma, é possível fazer um planejamento com horário diferenciado e conteúdo sob medida para as necessidades do cliente”.

O novo treinamento foi ministrado com sucesso na Unimed Brasília em conjunto com a Aliança Unimed. O curso completo de banco de dados, de programação com SmartObjects e um panorama de programação gráfica, foi realizado por 35% do valor que seria gasto com o deslocamento das equipes para São Paulo, com uma grade totalmente adaptada para as necessidades e tempo hábil do cliente.

“Antes do treinamento tínhamos insegurança na transferência de informações, as vezes informações corrompidas, problemas com back-up, retrabalho e a configuração precisava de ajustes, tendo em vista que todos os departamentos acessavam todas as informações. Agora nosso planejamento ficou mais sólido, organizado e com isso reduzindo os acessos ao banco de dados, melhorando e otimizando a performance em 15% com apenas um servidor. Com a chegada de outros servidores, está sendo esperada uma melhora de 50% em relação a anterior”, comenta o supervisor de TI da Aliança Unimed, Wellington Silva.

Para Joseny Freire Carvalho, supervisor de desenvolvimento e suporte da Unimed Brasília, com o treinamento o processador deixou de ser sub-utilizado, o planejamento está mais preciso e rápido para a construção de uma aplicação mais sólida. Com 30 bancos de dados no ar e 70 usuários, a performance é uma preocupação e uma garantia de qualidade, o tempo de resposta de acessos ao banco já melhorou em 30% com apenas alguns ajustes realizados.