Q&A Systems investe na área de Archiving

0
0

A Q&A Systems – empresa responsável pela implementação, pós-implementação e suporte de sistemas de alta tecnologia e performance -, fechar parceria com a PBS Software, companhia especializada em soluções de arquivamento de dados para sistemas SAP e com a G-Plus, provedora de soluções diferenciadas em Tecnologia da Informação. O acordo visa a permitir acesso rápido e em alta performance dos dados arquivados no SAP R/3. Além de comercializar soluções da PBS, a Q&A também implementará, iniciando sua presença no segmento de revenda de software Add on. “Temos um vasto know how na área de serviços. Em vista disso, fomos escolhidos pela PBS para nos responsabilizarmos por todos os processos funcionais e pela consultoria da solução”, afirma José Queiroga, diretor-presidente da Q&A Systems, enfatizando que, com o acordo, a empresa passa a ser representante na América do Sul para revenda de softwares Add on.

A solução desenvolvida pela PBS reduz o impacto na comunidade de usuários por possuir transações de exibição e relatórios da empresa perfeitamente integrados com o ambiente SAP. O acesso é on-line, rápido e confortável à base de dados do R/3. Isso permite aos profissionais de bancos de dados prestar melhor serviço dentro da empresa, uma vez que não há interferência em outros processos. Além disso, o produto é mais simplificado que os demais softwares de Archiving: “Geralmente, os produtos concorrentes exigem ações de reestudo nos processos de negócio e são mais complexos do que as necessidades solicitadas de arquivamento de dados, ocasionando perda de tempo e de dinheiro”, afirma Alexandre Ugenti, diretor de serviços da G-Plus.
Os clientes da parceria Q&A/PBS/G-PLus poderão armazenar dados e documentos em diversos ambientes, desde disk arrays Serial ATA, NAS devices, até tape libraries ou mesmo jukebox de mídia ótical, graças ao gerenciamento inteligente dos dados, propiciado pelo uso de software de HSM. Além disso, os archive add ons da PBS contém interfaces ABAP com rotinas de acesso direto e seqüencial, inclusive para programas desenvolvidos pelo cliente.
Todos os clientes da SAP que vivenciam problemas com tempos de respostas crescentes, aumento do custo total de armazenamento de dados, restrições orçamentárias e desejem conter crescimento da base de dados são públicos-alvos da solução, o que atualmente representa um universo de aproximadamente 300 empresas brasileiras. Mundialmente, companhias como Siemens AG, BASF, Rhodia AG, Aventis Pharma USA e AstraZeneca USA, já utilizam o produto.
“Nossa expectativa é crescer até 30% com a nova área”, diz Queiroga, ressaltando que agora a empresa se posicionará em relação à importação, exportação, venda e revenda de software para usuários SAP.