Quem mais sofre com manutenção de rede

0
1


Profissionais de TI afirmam que o tempo gasto com transferências, inclusões e mudanças (MAC) em redes corporativas, assim como outras funções de suporte como auditoria e monitoramento de recursos, interfere de forma significativa na produtividade das companhias. As empresas imobiliárias apresentam grande número de problemas relacionados à conectividade de rede. Anualmente, são registradas cerca de quatro quedas de rede, que chegam a demorar em média 3,5 horas para serem recuperadas.

Este aspecto foi constatado por pesquisa realizada com cerca de 1,5 mil profissionais de TI de 45 países pela Systimax Solutions, empresa de soluções de conectividade estruturada. O relatório também constatou que o tempo de suporte da rede é outro fator de problemático no setor imobiliário. As empresas gastam 27% tanto para avaliar a performance como para questões de conectividade.

O preparo de ordens de serviço de TI é outro elemento que consome tempo dos setores avaliados. Também neste cenário, a indústria imobiliária gasta a maior média de tempo, com 6 horas de preparo, ficando à frente dos setores de transporte e logística, que despendem 5,3 horas. A auditoria das redes ativas é mais uma preocupação do setor imobiliário, pois eventuais complicações podem prejudicar a produtividade. Mensalmente, são gastas 11 horas com esta revisão.