Retomada de crescimento

0
1



O bom momento pelo qual atravessa o mercado de business intelligence teve reflexo positivo no desempenho da MicroStrategy. O lucro líquido da companhia no terceiro trimestre de 2009 foi 92% superior ao mesmo trimestre de 2008, globalmente. Já a receita aumentou 15%, desempenho impulsionado principalmente pelo aumento de 39% nas vendas de licenças de software. “Este crescimento explosivo deve ser creditado em parte ao fato de que tivemos um primeiro semestre mais fraco, quando o nível de investimento das empresas foi mais baixo que o normal. No segundo semestre está havendo uma retomada”, diz Flavio Bolieiro, VP América Latina da MicroStrategy.

 

“Na América Latina, em especial no Brasil e na Argentina, 2009 foi um ano bastante interessante para a MicroStrategy. A empresa consolidou-se como o fornecedor de solução de BI e destacou-se como uma empresa estável e segura, diferenciando-se neste sentido no  conturbado cenário do mercado  de BI”, enfatiza Bolieiro. Dentre os cerca de 200 clientes da empresa no Brasil, há o Serpro, maior usuário em volume de usuários e transações, e a Vivo, com a maior base de dados, da ordem de 100 terabytes.

 

Além disso, com o amadurecimento do mercado de BI, as empresas do middle market passaram também a procurar este tipo de solução. “É um nicho que hoje já representa de 20 a 30 % do faturamento da companhia no Brasil, e é atendido em grande parte pelos nossos parceiros em regime de OEM”, define Bolieiro. Hoje são seis os parceiros da companhia nesta modalidade e a expectativa é aumentar consideravelmente este número em 2010. “Só na área hospitalar, atendida por um destes parceiros, foram conquistados 14 novos clientes em 2009”, destaca o executivo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDo broadcast ao socialcast
Próximo artigoA linha do foco no cliente