O canal para quem respira cliente.

Santander acabará com a marca Real em 2010

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin



A subsidiária do banco espanhol Santander no Brasil unificará, no primeiro semestre do ano que vem, a marca com a do Banco Real, adquirido em outubro de 2007, informaram executivos do grupo na última sexta-feira, 28 de agosto. Em meados de 2010, os dois bancos já estarão operando apenas com o nome de Santander, assegurou José Paiva Ferreira, vice-presidente executivo sênior da sede no Brasil.

 

Paiva assegurou que a unificação das marcas será realizada gradualmente, para evitar que os clientes do Real sofram algum impacto pela mudança. O processo começará nos próximos meses, com o lançamento de produtos financeiros idênticos, que serão oferecidos aos clientes dos dois bancos. O primeiro destes produtos será uma conta corrente na qual o cliente poderá fazer pagamentos ou saques acima de seu saldo e até determinado limite de crédito, sem que sejam cobrados juros nos primeiros dez dias e com a possibilidade de pagar a dívida em 36 parcelas.

 

A aquisição há dois anos do Banco Real, subsidiária do holandês ABN Amro na época, permitiu ao Santander se transformar no quarto maior banco brasileiro em volume de ativos, depois dos privados Itaú-Unibanco e Bradesco e do Banco do Brasil. Apesar da incorporação, que originou um banco com cerca de 4 mil agências e 9,5 milhões de clientes, o Santander e o Real continuam operando com marcas próprias no país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima