Sem questionamento

0
2
Já não é de hoje que o marketing digital se tornou uma importante ferramenta para criar engajamento com os clientes. Não só pelo fato do cliente ser digital, mas também pelas possibilidades que essa disciplina traz aos negócios. Uma delas é a facilidade de medir o retorno do investimento. Ele é imediato. “Outro ponto é que o chamado marketing de influência e o monitoramento de tendências ajudam a criar uma estratégia que esteja on time ou mudá-la caso seja necessário ser mais assertiva”, completa Jana Garanko, PR Head da SEMrush. Além disso, ela destaca o marketing de conteúdo, que permite estreitar o relacionamento com os clientes. “Mas este conteúdo não pode ser apenas publicitário e promocional, tem que ser educativo aos clientes, trazer valores, promover o call to action correto com o público e se comunicar com ele.” Dentro disso, a executiva conta com exclusividade ao portal ClienteSA as tendências em marketing digital, bem como o cenário que devemos ter esse ano.

ClienteSA – O que podemos esperar do marketing digital em 2017?
Jana: Em 2017, nós podemos esperar mais e mais de tudo. Teremos um crescimento contínuo de dados, o que indica uma necessidade maior de entendê-los melhor. Também é tempo de orientar ao cliente em como usar esses dados e dar motivos para que eles os usem.

Para onde você vê o marketing digital caminhando?
Não dá mais para se questionar a digitalização do marketing. Empresas menores e maiores encontram dificuldade em se adaptar a ambientes mais disruptivos, onde gerenciar recursos digitais (digital asset management – DAM) é o epicentro as atividades de marketing. Se, até recentemente, a digitalização era o maior desafio para os profissionais, hoje é absolutamente essencial. O desafio atual é a migração para o celular. Também o marketing digital é crítico hoje para atrair clientes. Publicidade na Internet e aplicativos são só a ponta do iceberg. As empresas têm um amplo mix de canais para aumentar seu impacto, incluindo Search Engine Optimization (SEO), anúncios pay-per-click, técnicas de conversão e captura de atendimento ao cliente e fidelização de clientes.
Quais devem ser as grandes tendências em marketing digital em 2017?
Falando sobre as tendências da marketing digital, o primeiro e o mais importante deve ser o mobile em primeiro lugar, que o Google anunciou juntamente com o desktop crawling em 2017. Em primeiro lugar, os sites precisam avaliar se eles são móveis amigável. Caso não sejam, é hora de começar a mudar sua estratégia. Especialistas em SEO também pode se concentrar no SEO técnico e tomar o tempo para AMP e otimização de conteúdo do site, essas modificações serão atraentes para usuários móveis.
Além disso, atualmente, 20% das consultas móveis são pesquisas de voz. Assim, a tendência está mostrando que a pesquisa está saindo da caixa e vai se tornar mais personalizado, do que nunca. O que isso significa para SEO? É tudo sobre a estratégia de otimização de palavras-chave e consultas baseadas em texto, porque os usuários com a pesquisa por voz esperam respostas diretas. Quero dizer, as pessoas não falam a maneira como eles escrevem, então há a necessidade de falar sobre conteúdo mais personalizado com base em uma análise aprofundada do seu público-alvo.
Também é importante dizer que SEO será profundamente envolvido em todas as mudanças de 2017; e aqui segue a parte mais significativa – colaboração com produtores de conteúdo e profissionais de relações públicas. SEO, juntamente com a produção de conteúdo e promoção, é inerentemente sobre a análise de audiência, assim, todos eles devem cooperar para produzir melhores resultados. Linkbuilding pode ser uma das direções a seguir, mas o foco deve ser na otimização on-page, mobile em primeiro lugar, que é uma das maiores tendências e construção de relevância geral de uma empresa, marca ou serviço.