Shoppings: público mensal de 450 milhões

0
2



Com a indústria e varejo de shoppings em plena expansão, realidade esta atribuída, entre outros fatores, à estabilidade da economia, e à preferência de lojistas e empreendedores em investir neste mercado, a Alshop (Associação Brasileira de Lojistas de Shopping) apresenta a mais recente atualização de números, investimentos, e demais informações sobre o setor.


Este Censo 2010/2011 foi elaborado pela entidade, em conjunto com um dos mais conceituados institutos de pesquisa do Brasil: o Ibope Inteligência, e os dados coletados têm como base de informações o mês de março de 2011.


Em conformidade com as informações obtidas, atingimos 766 shoppings em operação no Brasil, representando um aumento de 7,74% em relação ao final de 2009. Para este resultado, foram consideradas as quatro categorias de shoppings: os tradicionais (aqueles com mix de lojas completo); os temáticos (shoppings caracterizados por um único segmento varejista); atacado (atendimento a lojistas e revendedores); e rotativos (compostos por estandes e boxes em substituição as lojas convencionais).


A distribuição dos shoppings pelo Brasil apresenta a região Sudeste como líder no ranking das localidades que mais possuem empreendimentos em operação, sendo responsável por 52,35% do número de shoppings, um total de 401 empreendimentos. Neste panorama, o estado de São Paulo conta com 234 shoppings, ou 30,55% do total nacional.


No que diz respeito ao fluxo de consumidores, os shoppings do Brasil recebem aproximadamente 450 milhões de pessoas por mês. Já o total de operações é composto por mais de 99 mil estabelecimentos, sendo 89.643 lojas, 1.926 salas de cinema e 7.679 operações na área de alimentação dos centros comerciais.