Spress investe em fábrica de software

0
13


A Spress Informática, empresa de sistemas de gestão para concessionárias e distribuidoras de pneus, anunciou a entrada no mercado de Fábrica de Software, para o desenvolvimento de soluções sob medida para empresas públicas e privadas. O primeiro passo neste sentido foi concretizado com a obtenção da certificação CMM Nível 2, em maio passado, após um investimento de R$ 1,5 milhão. Agora, a Spress já vem trabalhando para obter o CMMI nível 3 e também vem ampliando o quadro de funcionários.

De acordo com Antônio Vidigal, vice-presidente da Spress Informática, a experiência e o conhecimento acumulados ao longo de várias décadas no desenvolvimento de soluções de gestão empresarial para mercados verticais agora será transportado para a Fábrica de Software, que se concentrará no desenvolvimento de aplicações empresariais sob medida.

Antônio afirma que a Fábrica de Software da Spress pode atender empresas de todos os segmentos de mercado, mas aponta o setor público e o ecossistema do setor automotivo como alvos prioritários iniciais. “O setor público tem muita necessidade de desenvolvimento sob medida, seja no nível municipal, estadual ou federal”, afirma. Com relação ao setor automotivo a estratégia da companhia é aproveitar o conhecimento que já tem deste mercado, a partir dos sistemas de gestão verticais para concessionárias de veículos e revendas de pneus, para conquistar clientes neste setor. O primeiro trabalho desenvolvido pela Fábrica de Software da Spress, por sinal, foi para a Renault do Brasil.

O vice-presidente da Spress Informática, que tem matriz em Belo Horizonte (MG), afirma que as grandes empresas de Minas Gerais também representam oportunidade para a Fábrica de Software. “Em geral, as áreas de tecnologia da informação das grandes empresas contam com um passivo muito grande de desenvolvimentos sob medida que são necessários para atender demandas específicas, mas que não são atendidos por absoluta falta de tempo”.

Com o investimento na Fábrica de Software, a Spress espera obter um crescimento médio de 30% nos próximos três anos. Em 2004, o faturamento da empresa foi de R$ 14,7 milhões, e a perspectiva para este ano é atingir R$ 17,5 milhões.