Universo digital é maior do que o estimado

0
5



A EMC Corporation, líder mundial em tecnologia para gerenciamento e armazenamento de informação, anuncia novos resultados da pesquisa pioneira da IDC que mensura e prevê os vastos volumes e diversos tipos de informação digital que são criados e copiados no mundo. O estudo mostra que o universo digital é maior e está crescendo mais rapidamente do que as estimativas originais, como resultado do crescimento acelerado do fornecimento mundial de câmeras digitais, câmeras de segurança digitais e televisões digitais, bem como melhor entendimento das tendências de replicação de informação.

 

O universo digital em 2007 se aproximou de 45 Gigabytes (GB) de informação para cada indivíduo na terra – ou o equivalente a mais de 17 bilhões de iPhones de 8 GB. Outros fatores do crescimento rápido do universo digital incluem os relacionados a acesso à Internet em países emergentes, aplicativos baseados em sensor, data centers suportando cloud computing e redes sociais compostas de conteúdo digital criado por muitos milhões de usuários on-line.

 

O estudo também destaca as contribuições passivas crescentes dos indivíduos ao universo digital, algo conhecido como “digital shadow”. Pela primeira vez, o volume de informação que está sendo gerado sobre as pessoas ultrapassa o volume que elas próprias criam. “Descobrimos que apenas metade da pegada digital está relacionada às ações individuais – tirar fotos, enviar e-mails ou fazer chamadas de voz digitais. A outra metade é o que chamamos de ‘digital shadow’, nomes em registros financeiros, nomes em mala direta, históricos de navegação na web ou suas imagens capturadas por câmeras de segurança em aeroportos ou centros urbanos”, conta John Gantz, Chief Research Officer e vice-presidente sênior da IDC.

 

“À medida que as pegadas digitais das pessoas crescerem, o mesmo acontecerá com a responsabilidade das organizações pela proteção da privacidade, disponibilidade e confiabilidade desta informação. Cabe aos departamentos de TI nas organizações lidar com os riscos e as regras de adequação regulatória envolvendo uso impróprio da informação, vazamento de dados e proteção contra falhas na segurança”, explica disse Joe Tucci, chairman, presidente e CEO da EMC.