Viral loop

0
1



Destinado a todos que querem se interar sobre as oportunidades de negócio dentro da Web 2.0, o livro Viral Loop, de Adam Penenberg, fala da ascensão das novas mídias, como Twitter, You Tube e eBay, que transformaram visitas em receita. Esses sites conseguiram agregar visitas e ganhar imensa visibilidade na Internet, o que atrai publicidade e resulta em grandes lucros.

 

Para exemplificar essas estratégias, Penenberg cita o Hotmail que, em 1996 colocou um link no corpo de cada mensagem, oferecendo a cada destinatário a capacidade de configurar uma conta personalizada de Webmail. Por meio disto, em 30 meses o Hotmail passou de 0 a 30 milhões de membros.

 

O livro ainda analisa o acúmulo que ocorre quando um negócio viral se empilha sobre outro em meio às redes sociais que recriam o modo como os homens se conectam, além de tratar da publicidade como forma de gerar receita e da importância que esta tem na viralidade e no desenvolvimento de um negócio na Web.

 

“O modelo de adoção viral é o modo mais barato de fazer uma audiência crescer. Quanto maior uma rede viral se torna, mais rápido ela germina. Depois que esse crescimento fantasmagórico entra em funcionamento, é possível prever sua taxa com espantosa exatidão, pois a rede se difunde a uma velocidade uniforme até chegar a não superação. Nesse ponto, ela continua a ganhar usuários mesmo sem fazer nada. Muitas das mais bem-sucedidas empresas da Web 2.0, incluindo MySpace, YouTube, eBay e as estrelas em ascensão como Twitter e Flickr, são excelentes exemplos de viral loop”, informa o autor.

 

Ficha Técnica
Título: Viral Loop
Autor:  Adam Penenberg
Editora: Campus – Elsevier
Número de páginas: 256
Preço: R$ 66

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorConvergência digital
Próximo artigoOs desafios da Copa