VR vai atrás dos pequenos

0
2


Às vésperas de completar 30 anos, em abril, o Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT) só é utilizado por 3,8% das pequenas empresas (até 50 funcionários). Para chegar a esse imenso mercado, Claudio Szajman, presidente do Grupo VR, está ampliando os canais de venda dos benefícios da empresa: os cartões Smart VR Refeição e Smart VR Alimentação, além do Crédito com Desconto em Folha de Pagamento VR. “Fechamos importantes parcerias para oferecer benefícios, como no caso da Associação Comercial de São Paulo e da Amcham-SP e, em breve, vamos anunciar outros acordos de peso”, diz o presidente.

A estratégia de ampliar os canais de venda, a estimativa de aumento de 10% da massa salarial e a expansão de 5,3% no emprego formal, com a criação de 1,3 milhão de vagas nos últimos 12 meses, deverão trazer um crescimento de no mínimo 10% ao faturamento, segundo o grupo. No ano passado, o Grupo VR movimentou R$ 3,5 bilhões.

Outro espaço para aumento de receita, segundo Claudio, é o crédito consignado. “Neste ano vamos entrar com força nas empresas médias, o que vai levar o crescimento do produto aos dois dígitos”, completa. Ele explica que a empresa também vai oferecer um cartão de crédito consignado aos trabalhadores que possuem os cartões de benefício da VR, sempre que os departamentos de recursos humanos permitirem. “Com isso, teremos uma grande de expansão do segmento, que ainda tem muito espaço para crescer, principalmente no setor privado”, finaliza Claudio.