Em busca da gestão eficiente

0
2



Desenvolvida para atender a demandas de gestão empresarial em companhias de pequeno porte, o SAP Business One traz facilidade de adaptação às diferentes verticais em que essas empresas atuam. No caso da adoção na Printer Solutions, essa capacidade ficou mais evidente. Especializada em serviços de manutenção de impressoras a laser, prestando serviços diretos a fabricantes, revendas e organizações, como bancos e empresas de outsourcing, a Printer precisava de uma solução que atendesse tanto às demandas de gestão de serviços, quanto às necessidades de indústria.

 

“Fazemos a manutenção de cerca de 1.200 módulos internos de impressoras por mês”, revela Ellen Alcantara, gerente comercial da Printer Solutions do Brasil. Nesses casos, eles precisam ser desmontados e remontados. Essa montagem se dá em linha de produção. “Devido ao grande volume, utilizamos processos de indústria”, explica Ellen. Assim, além do módulo para gestão de processos de negócios, a Printer também tem em funcionamento, desde fevereiro de 2008, o módulo de produção para controlar as demandas de linha de montagem.

 

A Printer, por ser certificada com a ISO 9000, também apresentou outras necessidades específicas e encontrou no SAP Business One a flexibilidade e que precisava, ajustando processos, para atender às exigências de integração e rastreabilidade de serviços. “A Printer possui, por exemplo, a necessidade de gerir saldos de contratos. O SAP Business One suporta o controle de contratos, mas precisávamos de uma customização para esse detalhe, que é específico de nosso negócio”, diz Ellen. A gerente explica que a empresa mantém contratos que prevêem um determinado número de atendimentos a um cliente, por exemplo. E o controle do saldo desses contratos é vital para o negócio.

 

Até meados de 2008, a companhia gerenciava os processos a partir de um ERP desenvolvido internamente. Com o crescimento da empresa, no entanto, surgiu a demanda por um sistema de mais confiabilidade e recursos e a Printer optou por implementar o SAP Business One. Depois de assinado o contrato com a Superabiz, integradora do sistema, o projeto teve uma pausa para o levantamento de dados internos da companhia, sendo iniciado, de fato, no fim de 2008. Após algumas semanas de testes, no dia 1º de fevereiro, a Printer desligou o sistema antigo e colocou o Business One, com todos os módulos, em produção.

 

“Com a entrada do SAP, passamos a ter mais controle sobre a gestão de contratos e da parte financeira da empresa”, afirma Ellen, lembrando que o antigo sistema não possuía recursos para emissão de relatórios que facilitassem essa gestão. “Agora contamos com relatórios com informações detalhadas sobre o status de cada módulo em manutenção na empresa, o que nos permite garantir o cumprimento de prazos para conserto”, ela exemplifica. Segundo a gerente comercial, a Printer dedicou algo em torno de R$ 140 mil ao projeto de atualização do sistema de gestão empresarial.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorParks tem novo presidente
Próximo artigoTI em tempos de crise