Perfil de um show

0
2

Face à similitude dos produtos e serviços não somente quanto à tecnologia de produtos como até mesmo na aproximação dos seus preços, em mercados globalizados, o grande diferencial da empresa para ser competitiva passou a ser o atendimento ao cliente. A partir desta realidade mercadológica, com a presença do consumidor cada vez mais exigente e melhor informado, surgiram desafios de vendas, aliados à grande pergunta: como transformar o cliente em vendedor ativo da empresa? Para o Profº Luis Marins da Ondec Brasil, “o cliente só compra o que não espera. Não compramos o que esperamos, mas, o que não esperamos”.
Afinal, em que consiste a venda no mercado atual? Vender é prestar serviços, sempre. É saber administrar contingências próprias de cada venda. É atendê-lo de coração, com sentimentos verdadeiros e vocação. O atendimento humano é fundamental para o sucesso da empresa e de vendas. Saber valorizar o cliente, a cada momento, é a grande arma utilizada pelo consultor de vendas, que substituiu o tradicional vendedor do passado. Evitar o descontrole emocional no relacionamento de venda é requisito essencial para o sucesso. É descobrir momentos mágicos que possam satisfazer às necessidades do cliente. O grande equivoco constatado em muitas empresas é que, muitas vezes, a empresa despreparada, junto ao seu profissional de vendas, transforma os momentos mágicos em trágicos, desperdiçando as oportunidades e até mesmo a fidelização de clientes. O encantamento do cliente, afirma o Profº Luis Marins, passou a ser a única grande arma ou combustível de venda no mercado atual.
O que entendemos por momentos mágicos? Segundo pesquisas realizadas por consultores de empresas vitoriosas, definem-se estes como aquela realidade vivenciada pelo cliente em receber algo que não esperava recebê-lo. É o algo mais que a concorrência não tem. Dentro de uma analogia, a empresa moderna é aquela que sabe oferecer ao cliente um verdadeiro show de sucesso que encanta o cliente e é definido por ingredientes próprios ou específicos de um show. Entre estes, ressaltamos a marca dos produtos e serviços, devidamente personalizados, competência dos colaboradores da empresa, harmonia no atendimento ao cliente, em todos os departamentos, velocidade do atendimento, enfim, tudo direcionado para satisfação do cliente, até mesmo nos seus mínimos detalhes físicos.
Qual a relação de show da empresa para o cliente? A empresa de sucesso age junto ao cliente com a filosofia própria de um show, definindo alguns ingredientes essenciais, como trabalho em harmonia – todos os colaboradores da empresa devem ter plena consciência do trabalho em equipe. Ninguém pode falhar! Todos devem estar sintonizados para o objetivo maior da empresa – garantir sucesso para o cliente e para empresa, através da lucratividade. Cada colaborador há de ter a responsabilidade de fazer o melhor para o cliente, não destoando em suas funções de trabalho. A equipe de vendedores há de ter a cultura em que o alvo primordial é definir-se pela excelências das vendas, tendo em mente que vender é superar as expectativas do cliente. Todos, indistintamente, estão responsabilizados e comprometidos com o sucesso da empresa, que devem ser continuamente treinados e reciclados na atualização de novos conhecimentos, emprestando os seus talentos e inteligência para sucesso da empresa.
Como reflexão final, à exemplo de show, há de ter a sincronia nos seus departamentos, todos voltados para um objetivo comum – construção de uma empresa vitoriosa.
João Gonçalves Filho (Bosco) – administrador de consórcio ([email protected]).