Sem desperdícios

0
2


Quem já não teve a sensação de que, por mais corrido que tenha sido o dia de trabalho, deixou de cumprir uma ou outra tarefa por absoluta falta de tempo? Quantas vezes nos queixamos de não termos tido tempo para convivermos mais com os familiares e os amigos? Sem contar aquela velha falta de tempo para ginástica, leitura, ida ao cinema e várias outras atividades sempre colocadas em segundo plano. A boa notícia é que é possível reverter essa loucura. A Marcondes & Consultores Associados promove nos dias 24 e 25 de abril , em São Paulo, o workshop “Ganhando Tempo Para Viver a Vida”.

Carla Dalla Zanna, psicóloga e associada da Marcondes explica que as pessoas precisam conscientizar-se de que o tempo já está definido e que não temos como interferir sobre isso. “Por outro lado, cada um é livre para manejar a própria vida, mudando hábitos, por exemplo”, completa a psicóloga.

É possível tornar o trabalho mais produtivo, utilizando estratégias desde as mais simples como: reduzir pequenos hábitos (cafezinhos, papos de corredor, preciosismos), adquirir novos hábitos (registrar compromissos em uma agenda, concentrar reuniões mais curtas para uma mesma tarde) até reduzir ou eliminar vícios que são válvula de escape para problemas reais e que consomem tempo excessivo (internet, celular, compras, reuniões intermináveis). O ideal, porém, é que as pessoas tenham uma visão mais amplia da gestão do tempo. “Cada indivíduo precisa ter mais poder sobre o tempo e sobre a própria vida. Afinal, o dia tem 24 horas para todos e isso não vai mudar”, lembra a consultora.

Para obter este poder sobre a própria vida, existem seis dicas que, se seguidas, garantem uma melhor gestão do tempo. A primeira diz respeito ao autoconhecimento. “As pessoas precisam se conhecer melhor. Um exercício é perguntar a si mesmo o que faria se pudesse mudar algo em sua vida para aumentar significativamente sua felicidade”, explica Carla. A segunda questão enfatiza a identificação de prioridades. A dica aqui é estabelecer metas relevantes ao invés de uma longa e inatingível lista. Traçados os objetivos, estabeleça prazos para cumpri-los. Depois de definir metas com clareza, o objetivo é dar foco. “Às vezes, é necessário fazer uma coisa de cada vez”, ressalta a psicóloga.

Outro ponto importante é identificar com clareza seus desperdiçadores de tempo e livrar-se deles. Para ganhar tempo, é fundamental saber dizer “não”, mas com assertividade. A última dica diz respeito à determinação. É necessário manter-se determinado para conseguir gerenciar melhor o tempo. “Não há como prever todos os contratempos ou fatos inesperados. Entretanto, é mais fácil lidar com essas variáveis quando se controla o que já estava programado”, finaliza a consultora.

Serviço
Data: 24 e 25 de abril
Horário: das 9h às 18h
Local: Centro de Desenvolvimento Marcondes – Rua Engenheiro Antonio Jovino, 220, Cj. 61, Morumbi – São Paulo/SP
Informações pelo telefone (11) 3746-2999 ou no site www.marcondes.net