Por que é importante cuidar da segurança dos dados — e como fazer isso!

Responda este teste: o que o governo federal dos EUA, 60 milhões de cidadãos sul-africanos, 57 milhões de clientes da Uber e o Serviço Nacional de Saúde britânico têm em comum?

Resposta: todos recentemente foram vítimas de violações de dados e ataques cibernéticos.

Corolário (ou seja, a verdade que decorre da resposta acima): ninguém está seguro.

Se você deseja evitar situações como essa, portanto, precisa começar imediatamente a focar na segurança dos seus dados.

Precisa explicar por que isso é cada vez mais importante?

Então lá vai.

Transações, conhecimento, comunicações, bancos de dados, infraestrutura; as informações são sem dúvida o seu ativo mais valioso de uma organização.

Independentemente dos requisitos legais ou regulamentares, é do interesse de uma empresa manter suas informações, ou seja, os seus dados, em segurança.

Simplificadamente, você precisa manter seus dados confidenciais fora do alcance dos concorrentes, manter a integridade dos seus dados, e garantir a facilidade de acesso a dados onde e quando necessário para operações comerciais

Se você não fizer isso, suas informações vitais poderão chegar às mãos erradas ou tornar-se inúteis.

Antes de seguirmos até o “como”, vamos dar um pequeno passo atrás para entender exatamente do que estamos falando.

O que é de fato Segurança dos Dados?

Segurança dos dados refere-se a medidas de proteção digital de privacidade aplicadas para impedir o acesso não autorizado a computadores, bancos de dados e sites.

A segurança dos dados também protege os dados contra corrupção.

A segurança dos dados é um aspecto essencial na área de TI das organizações de todos os tamanhos e tipos.

A segurança dos dados também é conhecida como segurança da informação (IS – Information Security) ou segurança do computador (Computer Security).

Exemplos de tecnologias de segurança dos dados incluem backups, mascaramento e apagamento de dados.

Uma medida importante da tecnologia de segurança de dados é a criptografia, onde dados digitais, software/hardware e discos rígidos são criptografados e, portanto, tornam-se ilegíveis para usuários e hackers não autorizados.

Um dos métodos mais comuns de praticar a segurança dos dados é o uso de autenticação.

Com a autenticação, os usuários devem fornecer uma senha, código, dados biométricos ou alguma outra forma de dados para verificar a identidade antes que o acesso a um sistema ou a dados seja concedido.

Segurança dos dados ou privacidade?

Publicado originalmente no blog da AlwaysOn. Continue lendo…