Atenção redobrada para não perder ninguém

0
1
Crescimento profissional com mais desafios no trabalho é o motivo que leva 44% dos executivos brasileiros a mudarem de empresa, segundo levantamento realizado este mês pela RED, empresa de recrutamento e seleção de executivos, com gerentes e diretores. Em segundo lugar, 17%, afirmaram que a motivação é a busca por melhor qualidade de vida, clima no ambiente e cultura organizacional. Atuar em novos mercados é o desejo de 16% dos executivos. Autonomia e salário são responsáveis por 12% e 11% respectivamente.
Segundo Daniela Lopes, sócia diretora geral da RED, as empresas precisam redobrar a atenção para este resultado, sobretudo em função da retenção de talentos. “Os executivos estão se sentindo “amarrados” a estruturas e burocracias internas e buscam mais responsabilidades no dia a dia e evolução na carreira. Há oito anos, a principal motivação para a troca de cadeira era a remuneração, hoje, no entanto, o salário é importante, mas não é decisivo. Fatores como perspectiva de crescimento na carreira e a busca por melhor qualidade de vida são as prioridades”, analisa a especialista em recrutamento de pessoas.