Atento realiza mês de voluntariado

0
1
A Atento realizou, entre setembro e outubro, pela primeira vez o seu Mês de Voluntariado Global, com atividades socioambientais que beneficiaram mais de oito mil pessoas e 62 instituições sociais. Foram mais de quatro mil funcionários voluntários participando de ações destinadas a cinco frentes, em nove países: recuperação de espaços públicos; promoção da cultura; incentivo à educação; doações de alimentos, brinquedos, livros e sangue; e reflorestamento. No Brasil, com a mobilização de 150 voluntários, as iniciativas foram realizadas em 21 instituições e impactaram mais de cinco mil pessoas em situação de vulnerabilidade social, além de terem contribuído para a sustentabilidade do planeta.
Entre as atividades, a campanha de incentivo à leitura alavancou a doação de mais de dois mil livros para quatro instituições localizadas nas cidades de São Paulo (SP), Santos (SP), São Bernardo do Campo (SP), São José dos Campos (SP), Campinas (SP), Goiânia (GO) e Salvador (BA). A empresa também realizou palestras para jovens sobre “Mercado de Trabalho” e “Doenças Sexualmente Transmissíveis e Drogas”, em parceria com a Instituição Espro (Ensino Social Profissionalizante). “Temos o compromisso empresarial de sempre apoiar o desenvolvimento das comunidades junto as quais atuamos, por isso buscamos realizar ações que contribuam para o crescimento pessoal e profissional das populações em situação de vulnerabilidade social”, afirma Majo Martinez Campos, diretora executiva de Recursos Humanos da Atento.
Outra iniciativa de destaque foi a distribuição de oito mil brinquedos em 17 instituições sociais, nas cidades de São Paulo incluindo Grande São Paulo, Campinas, São José dos Campos, Ribeirão Preto (SP), Rio de Janeiro (RJ), Salvador, Goiânia, Belo Horizonte (MG) e Feira de Santana (BA). Além disso, em parceria com a SOS Mata Atlântica, a companhia motivou os voluntários a plantarem mil mudas de árvores nativas da Mata Atlântica, como cedro rosa, pau brasil no Centro de Experimentos Florestais SOS Mata Atlântica, em Itú (SP).  “Esta é uma ação que visa estimular os voluntários a nos auxiliarem a compensar as emissões de gases que provocam o efeito estufa, mas também a reacender nestas pessoas a importância de cuidar do meio ambiente e a se preocuparem com as gerações futuras”, destaca Majo.