Balanço da Anatel registra crescimento em 0800 e Telecom

0
9

No balanço 2001 da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) foi registrado aumento significativo em sua central de atendimento gratuito (0800 33 20 01) para solução de dúvidas, reclamações, denúncias, entre outros serviços. Em 1999 foram atendidas 980 mil chamadas, enquanto que em 2001, o número subiu para 4,21 milhões de atendimentos. Um crescimento de 329,5%.

O atendimento também foi aprimorado com implantação de um sistema inteligente, para solucionar as dúvidas no momento da consulta do usuário. Em 2001, 90% dos usuários solicitaram informações gerais e foram respondidos no momento do atendimento; 9% fizeram reclamações e 1%, sugestões ou denúncias.

Dentre as 372.438 reclamações recebidas pela central de atendimento da Anatel em 2001, o Serviço Telefônico Fixo Comutado (STFC) é o que mais sofre críticas, com 93,54% das chamadas. Em segundo lugar está o Serviço Móvel Celular (SMC), com 5,59%. A maioria das queixas sobre a prestação do STFC refere-se à solicitação de reparo não atendida satisfatoriamente (37%), cobrança indevida nas contas telefônicas (24%) e atendimento das prestadoras (15%). No SMC, a maior parte das reclamações é de cobrança indevida (28%), atendimento (26%) e reparo (14%).

Ainda sobre o balanço, as empresas de telecomunicações fecharam o ano com 300 mil postos de trabalho, o que representa 7,3 mil postos a mais que os registrados no ano 2000. Já as exportações do setor continuam crescendo, tendo registrado um faturamento de US$ 1,3 bilhão em 2001, contra os US$ 1,1 bilhão do ano anterior. O crescimento foi de 14,63% (US$ 169,5 milhões) entre um ano e outro. Mais de 51% dessas exportações foram para os Estados Unidos da América, 15,6% para a América Latina, excluída a Argentina, que foi responsável por 12,9% dos negócios.