O momento pede mudanças

0
10
Depois de um 2015 difícil, com a economia brasileira enfraquecida, as expectativas para esse ano não são das mais positivas. A previsão é de mais um ano de crise. Com isso, esse será o momento do mercado mostrar mais uma vez sua capacidade de inovação. “Os empresários brasileiros, vencedores por natureza, estão sempre se reinventando e buscando alternativas para superar da melhor maneira possível as turbulências e instabilidades da nossa economia e os impactos negativos que acabam refletindo na mão de obra”, comenta Luciano Rodrigues da Silva, diretor comercial da Callink.
Ele conta que no caso da sua empresa, a busca tem sido por implantar, em parceria com os clientes, soluções tecnológicas voltadas para eficiência. “Acredito que a busca por novas soluções para melhoria de performance e resultados, sem queda na qualidade dos serviços prestados, seja uma tendência do mercado.” Por isso mesmo, o executivo garante que a qualidade continuará sendo um eixo muito importante, garantida junto ao portfólio tecnológico de soluções proprietárias, ou internacionais que a Callink distribui, “que possibilitam aos clientes se modernizar por meio de novos meios que criamos para atendê-los, de acordo com a suas necessidades específicas”. “Em um cenário como o que estamos vivendo não se pode apenas pensar em buscar o novo, é preciso idealiza-lo”, acrescenta.
Na visão da empresa, mais do que se preocupar em crescer e buscar novos clientes, neste momento é preciso investir em meios para reter e despertar a satisfação plena dos atuais clientes. “Nossos valores são bases fundamentais que nos norteiam diariamente, proporcionando, através de nossas conduções, buscar por negócios ganha-ganha, e não negócios a qualquer custo.” Silva alerta que é muito importante que as empresas do setor foquem as ações e investimentos nos atuais clientes para que, por meio dos diálogos constantes, encontre novos caminhos e rumos para vencer os desafios. “Incentivados e inspirados pelos nossos acionistas e confiantes do estreitamento da parceria com nossos clientes, iniciamos o ano com alguns desejos, dentre eles o de facilitarmos o crescimento das operações instaladas na Callink”, completa.
Ele conta que, após nove anos de aprendizados, desenvolvimentos e evolução, a empresa está fortalecida, preparada, capacitada e com muita vontade de contribuir mais, de servir e gerar resultados novos e diferenciados ao mercado. “Temos a perspectiva de diversificar nossos negócios com o fechamento de novos contratos, mas também estamos contentes e motivados com a aderência de nossos serviços de consultorias e soluções tecnologias, pois o feedback do mercado tem sido bastante positivo. Acreditamos na nossa capacidade de reinventar e superarmos momentos desafiadores como estes que temos vivido”, finaliza.