Sete dicas para vender bem

0
11



Autor: Wilson Mileris

 

Em qualquer situação da vida, seja no mercado de trabalho ou até mesmo com o parceiro, é comum ter que se utilizar de um bom discurso para alcançar o objetivo desejado. Falar bem faz a diferença em todas as ocasiões. Para se destacar no mercado de trabalho e até na vida, é preciso buscar um diferencial, e saber vender o seu peixe é fundamental!


O ato de vender está na rotina de todos, e não precisa ser um profissional da área de vendas para fazer isso. Numa hora ou noutra você precisa vender uma idéia ou um conceito, e para que a sua opinião seja aceita é necessário saber argumentar, promover uma boa comunicação.


Linguagem corporal, palavras bem colocadas e firmeza no discurso, são importantes para o êxito de um bom orador. Falar em público com clareza e eficácia é uma das principais necessidades de executivos. Posso dizer com absoluta convicção que se um executivo tiver a orientação adequada, aprender algumas regras simples, porém objetivas, e aplicá-las com disciplina ele pode alcançar um ótimo nível de profissionalismo em suas palestras.


Um bom orador é capaz de mover multidões apenas por utilizar as palavras corretas nas situações certas. Desde criança convencemos nossos pais a comprar aquele brinquedo desejado ou mesmo de ir ao parque quando temos vontade. Quando somos adolescentes, podemos convencê-los até de sair à noite sem ter ao menos idade para isso. Quando nos tornamos adultos não perdemos essa habilidade, apenas precisamos aprimorá-la para um novo público. No ambiente de trabalho, o que muda é o público a ser convencido: o chefe, o grupo de colegas, etc.


Mais do que convencer, é estar motivado. Segundo Eugenio Mussak, em seu livro Metacompetência, motivação é um dos aspectos mais importantes no estudo da relação do homem com o seu trabalho. Quando se está realmente motivado (movido por uma causa), a pessoa pode realizar qualquer atividade com mais qualidade e eficiência. Tanto no trabalho e na vida, isso é fundamental e é por isso que cada vez mais as empresas buscam políticas de incentivos para que os seus colaboradores estejam sempre motivados. Final, produtividade e felicidade resultam em um mundo melhor.


Para exercitar de forma prática a técnica de persuadir o público, seguem sete dicas que aumentam a eficiência na hora de vender o próprio peixe:


Saber o que vai dizer

Em qualquer tipo de discurso, quer seja a apresentação de um orador, um brinde após o jantar, uma apresentação formal para uma grande convenção ou a proposta de um orçamento para um conselho de diretores – é fundamental saber o quê dizer.

 

Preparação

Segundo o Professor Robinson em The Mind in the Making (A Mente em Ação), o medo é o filho bastardo da ignorância e da incerteza. A principal causa de ter medo de falar em público é simplesmente o fato de não estar acostumado a falar em público. O mais eficaz antídoto para o medo do palco e outros inconvenientes que atingem o ato de discursar é uma preparação total e tirana.


Predispor-se para o sucesso

A vontade de obter êxito deve ser parte vital no processo de se tornar um orador bem-sucedido. Persistência e autoconfiança são ingredientes importantes para acreditar que terá êxito. Afaste sua atenção dos estímulos negativos que possam prejudicá-lo.

 

Agir confiantemente

Para desenvolver a coragem quando estiver de frente a um auditório é importante agir como se tivesse coragem. É claro que se não estiver preparado, pouco adiantará proceder assim… Aumentar o suprimento de oxigênio respirando profundamente durante trinta segundos antes de se defrontar com um auditório é uma boa técnica – dominar a respiração facilita o controle do nervosismo e aumenta a confiança.

 

Utilizar auxiliares visuais

Os psicólogos nos dizem que mais de 85% de nossos conhecimentos chegam por meio de impressões visuais. Falar em público é uma arte visual e auditiva. Sempre que possível, demonstre. Lembre-se: uma imagem vale mais que 1.000 palavras.


Demonstrar respeito e afeição pelo seu auditório

Para conquistar a atenção, a atitude em relação aos seus ouvintes é muito importante. A personalidade humana não só demanda amor como respeito. Todo ser humano possui um sentimento íntimo de valor, importância, dignidade. Fira um destes sentimentos e você terá, para sempre, perdido essa pessoa.


Falar com animação e energia
Falar com energia e entusiasmo tem um efeito benéfico sobre o seu processo mental. Desde que o nosso corpo esteja predisposto e animado, não tardará a que tenhamos nossa mente funcionando em ritmo acelerado. Lance-se com espontaneidade em sua fala e você estará ajudando a garantir o seu êxito como orador.


Wilson Mileris é especializado em motivação. Atua, há 25 anos, como conferencista, treinador e consultor nas áreas de liderança, motivação e vendas.