Soluções Chiptek garantem disponibilidade da TI

0
2

Mais que simples plataformas de serviços, o GSU (Gestão de Serviços ao Usuário) e o GIC (Gestão de Infra-estrutura Crítica), desenvolvidos pela Chiptek, companhia especializada na gestão da infra-estrutura de TI, oferecem satisfação aos usuários e disponibilidade do ambiente de missão crítica. Com foco em corporações preocupadas em manter seus sistemas disponíveis, assim como aquelas interessadas em dar à equipe de trabalho todos os recursos disponíveis de tecnologia, o GSU e o GIC chegam ao mercado apresentando oferecendo ferramentas desenvolvidas pela própria Chiptek para gestão de infra-estrutura: o iDesk (para a área de Help Desk) e o RMC (Remote Monitor Chiptek).
O GSU é uma plataforma que se propõe a atender todos os requerimentos e necessidades de cada usuário dos sistemas de tecnologia. Os objetivos da Chiptek alinham-se aos do gestor da TI por meio de serviços de suporte à comunidade de usuários, proatividade e eficácia a toda a estrutura organizacional e obtenção de resultados. Os componentes do GSU são: help desk; suporte a hardware e software; inventário – que consiste em gestão de ativos e gestão de mudanças; suporte especializado de 3º nível; SLM (Service Level Management), além de homologação e padronização de novas tecnologias.
Já o GIC é uma solução end-to-end, que tem por objetivo manter a disponibilidade do ambiente de missão crítica através da melhoria contínua da TI na empresa. Monitoração e administração da rede; suporte a rede e a servidores; segurança, contingência e back up corporativo; gerência de ativos (inventário e manutenção); gestão de mudanças; projetos de networking e cabeamento estruturado são alguns itens que compõem a plataforma.