Nova sede, de olho no cliente

0
1


A Unimed Seguros inaugura sede própria, em São Paulo, com toda infra-estrutura voltada para atender bem o cliente. Para Dalmo Claro de Oliveira, presidente da companhia, a mudança de endereço demonstra o sólido crescimento da empresa e reafirma a importância que vem conquistando no mercado segurador. “A nova estrutura permitirá que a empresa evolua ainda mais, de acordo com o planejamento estratégico traçado para os próximos anos”, explica. A aquisição do novo prédio visa atender as necessidades atuais e futuras da companhia, que tem a perspectiva de um forte crescimento. Com área total de 4.984 m², a nova matriz tem o dobro do espaço anteriormente ocupado. A localização foi definida por meio de um estudo de viabilidade técnica, que manteve a proximidade das outras empresas do Complexo Unimed e a utilização da mesma estrutura de CPD, rede e telefonia, que liga o antigo e o novo prédio por um cabo de fibra óptica. Foram investidos cerca de R$ 12 milhões na aquisição e mais R$ 4 milhões da adequação do prédio.

A empresa, que conta com 3,8 milhões de segurados, atenderá ainda melhor os clientes na nova sede. De acordo com o presidente, “a estrutura permite que a empresa cresça ainda mais e atenda melhor o Sistema Unimed, clientes e corretores, pois conta também com o Espaço do Cliente, uma área exclusiva para atendimento, com mais conforto e qualidade”. Outro ponto positivo é que a mesma estrutura de telefonia foi mantida, sem alteração de contatos, inclusive do callcenter, que foi reestruturado, contando com 32 PA’s internas. Dessa forma, os clientes da companhia continuam tendo a mesma facilidade de acesso. As principais mudanças na central de atendimento foram novas contratações baseadas num estudo de volume de ligações e metas esperadas; criação de indicadores como: TMA – tempo médio de atendimento tendo como meta 3:30 , NS – nível de serviço tendo como meta 90:20, ou seja 90% dos clientes sendo atendidos em no máximo 20 segundos; TA – taxa de abandono de no máximo 5%.

Quem também estão ganhando com a nova sede são os funcionários. A Unimed Seguros está investindo em seus colaboradores, com treinamento, novos equipamentos e mobiliários ergonômicos, visando ao bem-estar do funcionário. Em 2005, foram gastos em torno de meio milhão de reais, distribuídos em programas técnicos, de desenvolvimento e no programa Aprender, que subsidia 50% do valor dos cursos de formação e extensão. O objetivo deste programa é contribuir para o desenvolvimento pessoal e profissional dos colaboradores e para a qualificação das equipes.

A empresa também abriu novos escritórios regionais não só para atender seu cliente empresa como também seu cliente corretor. “Possuímos 23 Escritórios Regionais que estão estrategicamente localizados em várias regiões do País. Eles estão prontos para atender nossos corretores com informações e treinamentos sobre nossos produtos e contam com acesso a números e informações fundamentais para a conquista de maior parcela de mercado em suas áreas de abrangência”, diz Dalmo. Para o segundo semestre está prevista a abertura de mais dois escritórios, em Macaé (RJ) e em Caxias do Sul (RS).

Crescimento acelerado – Por meio dessas e outras ações, a empresa está crescendo cada vez mais “Prevemos um crescimento de 25% para 2006, com a ampliação da carteira de Saúde em 27% e em 22% nos ramos de Vida e Previdência, para atingirmos um faturamento de R$330 milhões no ano”, afirma Dalmo. No segmento Saúde, a empresa saltou da 9ª posição, no ranking da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), para a 7ª posição, entre as 12 que mais cresceram. “A Unimed Seguros, em 2005, praticamente dobrou o número de segurados da sua carteira de saúde e este crescimento refletiu no nosso posicionamento dentro do Ranking da ANS. Superamos nossa meta traçada no Planejamento Estratégico de 2005”, comemora o presidente.

Para o presidente da companhia o segredo para continuar na rota do crescimento é manter o foco nos clientes e continuar investindo em infra-estrutura. “É importante manter a maximização da rentabilidade das carteiras e aplicações financeiras, com o adequado controle da sinistralidade, fortalecendo a imagem institucional da seguradora e aprimorando processos. Tudo isso alinhado ao desenvolvimento e satisfação dos colaboradores, ao atendimento eficaz de nossos clientes e a disseminação da qualidade.”