Cada vez mais presente

0
2



A mulher tem continuamente conquistado mais espaço no mercado de trabalho. Antes reconhecidas apenas em micro empresas e áreas mais específicas, hoje já podem ser encontradas ocupando cargos de liderança. Os cargos com maior aumento desde 2002 foram gerente e supervisor, com aumento de 72% e 69%, respectivamente, segundo informações do banco de dados da Catho, site de classificados de currículos e vagas. Depois vice-presidente (62%), seguido de presidente (58%), coordenador (50%) e chefe (49%). Por último na lista vem os cargos de encarregado (35%) e diretor (26%). “É natural que a diferença entre homens e mulheres reduza ano a ano já que cada vez mais elas têm provado que são excelentes profissionais e bastante dedicadas, mesmo tendo muitas vezes que ter uma segunda ou tripla jornada em casa”, informa Carolina Stilhano, gerente de marketing da Catho.

 

A educação também pode ser uma das explicações para o fato das mulheres estarem conquistando mais espaço no mercado de trabalho. Dados do IBGE apontam que as mulheres têm, em média, um ano a mais de estudos que os homens. A escolaridade média das pessoas do sexo feminino em áreas urbanas é de 9,2 anos. Já a dos homens não passa de 8,2 anos de estudos. “Num cenário de pleno emprego, no qual o acesso ao ensino superior está cada vez mais facilitado, as especializações são uma ótima maneira de se destacar, especialmente para a mulher que está pouco a pouco se posicionando no mercado de trabalho e garantindo mais espaço”, complementa Carolina.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorConhecer o consumidor não tem preço
Próximo artigoNada de fraqueza