CBCC cresce em número de PAs e clientes

0
8


Em 2002, a CBCC ampliou seu número de posições de atendimento de 1.225 para 3.500. Esse número aumentou devido a inauguração do site de Brasília com 200 PAs e o de São Bernardo (SP) com 500 pontos, e a ampliação do espaço do Rio de Janeiro para 200 pontos de atendimento. A empresa também passou a atender mais de 40 clientes este ano, como Volkswagen, SmartClub, Bradesco Cartões, InterBrazil, Correios, Ace, SEMCO, entre outros. Especializada em televendas, cobrança e web call center, help desk, entre outros serviços, a companhia investiu R$ 13,5 milhões no desenvolvimento de profissionais e em tecnologia. Dentro das aplicações tecnológicas está a construção de um site com tecnologia voz sobre IP em São Bernardo (SP).


Para a companhia, o mercado crescerá continuamente porém, a percentuais menores em relação aos anos de 2001 e 2002. “Os segmentos que mais cresceram nesses últimos anos foram televendas ativo, centrais de cobrança, projetos de delivery com solução de atendimento integrada. A estimativa de crescimento do mercado no próximo ano gira em torno de 15%, mas a taxa da empresa é superior ao crescimento do mercado”, informa Marco Antonio Theodoro, diretor comercial e marketing da CBCC.


O executivo afirma que o ano de 2002 foi excelente para CBCC, pois a companhia aumentou seu faturamento em 372%. “A empresa passou a atuar em novas regiões segmentando as equipes comerciais e operacionais. Esses avanços estão em projetos de alta complexidade, ou seja, um conjunto de atendimentos que formam um business center para os clientes. Nestes processos a agência atende desde informações e vendas até a retenção e cobrança”, finaliza.