Comprometimento acima de tudo

0
2

As empresas têm se esforçado para dar oportunidades de carreira para os profissionais considerados estratégicos, foi o que apontou apresentação feita na Amcham-São Paulo, na última quarta-feira (14). Para isso, realizam pesquisas organizacionais de motivação e clima interno, que procuram detectar não apenas o nível de satisfação do colaborador, mas quanto ele está comprometido com a empresa. 
“A forma de diagnosticar as organizações evoluiu da pesquisa de satisfação e felicidade para a de efetividade organizacional”, diz o consultor Rodrigo Magalhães, da Hay Group, em apresentação realizada no comitê de Gestão de Pessoas da Amcham-São Paulo. Segundo ele, um ambiente de efetividade com a organização não significa só um lugar onde as pessoas estão felizes, mas onde querem produzir mais e ter vínculos.
“As empresas não desejam apenas profissionais satisfeitos e contar com os que mais conhecem as atribuições técnicas do cargo”, afirma Magalhães. De acordo com o consultor, elas também estão à procura dos que melhor se relacionam com seus pares e os mais comprometidos. “Isso faz diferença na hora de trazer resultados”, completa. 
Conhecer o nível de satisfação dos colaboradores ainda é importante para as empresas. No entanto, elas também querem avaliar o quanto seus funcionários estão engajados em relação aos objetivos centrais e, dentro desse foco, fazer o necessário para criar a melhor relação de trabalho possível.
“Pela quantidade de empresas que aplicam diagnósticos de clima organizacional, vemos que elas estão mais interessadas nesse aspecto. Muitas já atrelam o bônus de seus gestores aos resultados de pesquisas de ambiente interno”, segundo o consultor.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorOutsourcing para agregar valor
Próximo artigoZanchi vai para Marriott