EDS investe no desenvolvimento de líderes

0
3



A EDS lança o ‘Programa Integral de Desenvolvimento de Liderança’ para todos os gestores que exercem algum tipo de liderança em níveis de formação, gerência e diretoria, somando 1.000 profissionais na América Latina. O objetivo é alinhar-se a uma prática já existente na matriz global, que tem por cultura preparar pessoas para atender as demandas dos negócios da empresa. “O desenvolvimento de líderes é fundamental para que a EDS torne-se benchmark em melhores práticas para trabalhar”, afirma Patrícia Franzini, diretora de recursos humanos da EDS América Latina.

 

Para isso, a EDS acaba de nomear Patrícia Dias como líder regional de Global Learning & Development na América Latina. A executiva será a responsável pelo desenvolvimento do programa em toda a região. “O maior diferencial das empresas de TI são as pessoas. Investir em educação e capacitação é, na verdade, a melhor forma de nos mantermos competitivos. E são iniciativas como essa que permitem a EDS manter, desenvolver e inovar em soluções que atendam os clientes”, comenta Patrícia Dias.

 

O programa possui três níveis de gestão. O primeiro, chamado Emerging Leaders, envolverá 525 funcionários, que serão preparados para assumir cargos de liderança a partir de conteúdo on-line e aulas virtuais. O segundo, First Line Leaders, treinará 280 gerentes que já possuem linhas de reporte e tem a finalidade de ensinar as melhores práticas de gestão, sobretudo no que diz respeito a como avaliar o time e reconhecer outros líderes na equipe. Já o terceiro nível – denominado Leaders of Learders – atingirá os profissionais mais seniores da empresa e levará à sala de treinamento um clima da vida real e simulações interativas. O objetivo é qualificá-los para que sejam os maiores agentes de mudanças nas equipes.