Encarando o desafio e partindo para a expansão

0
12



O mês era fevereiro. E o ano, 1999. Decidia-se que uma das corretoras de seguros ligada a Bradesco Seguros precisava de um departamento que administrasse a carteira de 1,5 milhão de clientes e 5 mil corretores distribuídos pelo Brasil afora. Esse era o início da trajetória da Veganet. Hoje, próxima de completar 14 anos de atuação, a companhia está apostando fortemente na expansão e, para tanto, reforçou a área comercial, buscando atingir a capacidade atual e partir para o crescimento, com a abertura de uma nova unidade que comporte novas mil PAs. Para entender um pouco mais sobre a estratégia de negócio, o Callcenter.inf.br conversou com exclusividade com o presidente, o diretor comercial e a diretora de operações da companhia.

 

Operando com 1,2 mil PAs internas no site localizado em São Paulo, outras 25 PAs dentro do cliente e 1,6 mil colaboradores, a Veganet atingiu faturamento de R$ 48 milhões em 2011. “Acreditamos que o nosso ambiente como um ´todo´ favorece e muito para o sucesso das nossas operações. Fazemos questão de ter o melhor em tecnologia, mas sobretudo, um ambiente humanizado para estar o mais próximo possível das nossas pessoas”, analisa Alessandra Oliveira, diretora de operação da empresa.

 

Chegar até aqui e mirar na abertura de uma nova unidade, entretanto, não foi, necessariamente, uma tarefa fácil e exigiu investimentos. “Os anos de 2008 e 2009, foram dedicados para fortes investimentos em tecnologia, telefonia e infraestrutura, com aproximadamente R$ 6,5 milhões, que nos permitiram implantar uma estratégia de especialização para os mercados financeiro e de seguros, com foco em BPO e telesserviços”, explica Jorge Abel Peres Brazil, presidente da Veganet.

 

Os anos seguintes tiveram foco em ações de marketing, com a modernização da marca e um reposicionamento no mercado de BPO, Business Process Outsourcing. O objetivo, agora, é alinhar o trabalho das áreas comercial, de operações e de suporte, como coloca Marcelo Morilla, que, em agosto, retornou ao posto de diretor comercial da empresa para, nas palavras do executivo, “mostrar ao mercado que a Veganet está estruturada tecnologicamente e preparada para atender o nível de exigência dos contratantes”, além de dar mais gás ao crescimento da organização. “Nossa meta é atingir a capacidade de 85% de utilização de nossas instalações e fechar o ano com faturamento de R$ 50 milhões, o que nos permitirá estruturar o plano de expansão para o próximo ano”, afirma o diretor. “Possivelmente, no primeiro semestre de 2013, estaremos com nossa capacidade instalada tomada, portanto já está em nosso radar a possibilidade da abertura de um novo site”, complementa Brazil.

 

Mais uma novidade, que já está em andamento, é a abertura de uma nova frente de atuação na companhia. “Estamos com uma decisão tomada pelo Conselho de Administração que dará atenção para o crescimento no novo negócio, de ´recuperação de crédito´”, adianta o presidente. Otimista, ele prevê um futuro com oportunidades cada vez mais desafiadoras. E não se intimida.

 

Leia abaixo as matérias produzidas com exclusividade pelo Callcenter.inf.br:
Fortalecendo a área comercial
Esforços da Veganet são para atingir capacidade atual e estruturar novo site

 

De um departamento a 1,2 mil PAs
Presidente da Veganet recorda trajetória da empresa, que já se prepara para abrir novo site

 

O desafio de operacionalizar a relação
Diretora da Veganet comenta os avanços, demandas e expectativas em RH e tecnologia

 

Confira os dados da empresa no Ranking do Callcenter.inf.br.

 

Veja também o caderno especial da Revista ClienteSA sobre a Veganet.