Clique e visite a landing do Congresso ClienteSA 2022

O canal para quem respira cliente.

O estímulo deve vir de cima

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Um profissional motivado, além de produzir melhor, é mais comprometido com a empresa e os resultados, mas erra quem pensa que chegar a esse ponto é fácil. Isso porque os indivíduos são motivados de diferentes maneiras, conforme suas necessidades e seus valores sociais. Agora, leve isso para o setor de call center, em que há uma grande variedade de perfis, e o desafio será maior ainda. “Tentar entender as necessidades e os valores é o nosso grande desafio no setor. Ou seja, como atender a expectativa desse público”, reforça Andres Enrique Rueda Garcia, presidente da Uranet.
Nessa busca, um fator importante é ter gestores engajados que queiram fazer a diferença na vida dos operadores. Uma liderança presente, que acompanhe, conheça, desenvolva, faça junto, converse e crie métodos que movimente a equipe todos os dias, unindo a equipe e criando um ambiente harmonioso. “O caminho é construir líderes motivados para motivar suas equipes”, comenta.
Uma das ações da Uranet com esse foco é a Preleção, realizada a cada inicio de turno. Nela, os líderes param as equipes e conversam sobre resultados gerais, explanam sobre o que foi feito no dia anterior e o que tem que ser alcançado no dia. “Estes poucos minutos fazem a diferença, pois nele o líder tem a oportunidade de fazer com que o inicio do dia seja diferente.” Rueda conta que cada supervisor tem um método, mas o que foi decidido é o “como” falar, para que identifique a real necessidade de cada um. “Sendo assim, dar o direcionamento para que as pessoas consigam enxergar que seu objetivo está mais próximo de sua realidade, bastando seguir o caminho certo e como caminhar, seguindo as orientações daquele que mais conhece suas capacidades profissionais, o seu líder”, completa.
Para facilitar o trabalho desses gestores, a empresa conta com a ELU – Escola de Liderança Uranet, onde a cada 15 dias as lideranças são reunidas para discutir cases e alinhar melhores práticas operacionais. “Estes encontros são enriquecedores, pois desenvolvemos e ajudamos a liderança a compreender o seu papel e as suas responsabilidades”, revela o presidente.
Além de todo esse trabalho, a Uranet possui ainda mecanismo de incentivo, como campanhas relâmpagos ou mensais, com recompensas justas ao desempenho individual, gerando assim movimento na operação. Segundo Rueda, o caminho é ter um ambiente harmonioso, demonstrar a importância que o trabalho representa, ser coerente e transparente, fornecer conhecimento técnico e oportunidade de crescimento profissional e pessoal. “Sabemos que o nosso setor esta em crescente movimento e para isso precisamos estar preparados para assumir o comando das ações e fazer com que todos se sintam parte do negócio”, pondera.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima