Telemar faz longa distância da Câmara dos Deputados

0
2

A Telemar, operadora de telecomunicações 100% nacional, fecha contrato de terceirização de voz fora da sua região de atuação. A empresa será responsável pelo tráfego de longa distância da Câmara dos Deputados, originado em Brasília e terminando em toda Região I – os 16 estados, entre Amazonas e Rio de Janeiro, da área de concessão da Telemar. Até agora o serviço de longa distância do órgão era terceirizado pela Embratel. O contrato, firmado no valor de mais de R$ 1,9 milhão, tem duração inicial de 12 meses, e é prorrogável por até cinco anos.
O monitoramento e o gerenciamento remoto da rede de voz da Câmara dos Deputados será realizado a partir do Centro de Gerência de Serviços (CGS) da Telemar, localizado na Vila Olímpia, em São Paulo. O controle será feito por uma conexão entre o concentrador da Câmara, que trafega aproximadamente 8.4 milhões de minutos por ano, e o CGS da operadora. Com a licitação dos serviços para as ligações de longa distância, a Câmara dos Deputados deverá reduzir seus custos com DDD em aproximadamente 75% nas ligações de fixo para fixo e 60% nas ligações de fixo para móvel.
O CGS da Telemar opera no esquema 24X7 e permite acompanhar o funcionamento de todos os circuitos e equipamentos distribuídos pela rede, disparando ações corretivas, quando necessário. O cliente conta também com uma estrutura de gestão especializada oferecida pela operadora, criada para garantir o nível dos serviços (SLA), além de acompanhar freqüentes atualizações tecnológicas em sua rede de comunicação sem que seja necessária a realização de investimentos.