Teleton 2006 cria campanha “Um Mais Um”

0
0


Além de mobilizar milhões de pessoas pela TV como acontece anualmente, o Teleton 2006, nona edição da maratona televisiva que arrecada recursos para a Associação de Assistência a Criança Deficiente (AACD), vai ampliar o envolvimento das empresas no projeto. Acaba de ser lançada a campanha “Um Mais Um”, com o objetivo de permitir que empresas de todos os portes e os funcionários possam ajudar a instituição. A meta do Teleton 2006, programado para acontecer das 21 horas do dia 10 de novembro à 1 hora do dia 12 de novembro, é superar a faixa de R$ 16,2 milhões arrecadados no ano passado.

A mecânica do “Um mais Um” é a seguinte: a cada um real doado pelo funcionário, a empresa também doará um real. A duração da campanha também é decidida pela empresa e varia entre três, seis ou 12 meses. Todo o dinheiro arrecadado será revertido para o Teleton e a empresa participante poderá ser sorteada para entregar a doação ao vivo durante a maratona televisiva no SBT. O cadastramento para participação na campanha pode ser feito por meio do site www.teleton.org.br/ummaisum.

Não há regras pré-estabelecidas para a doação, ou seja, a empresa pode escolher a forma que melhor se adapte a sua estrutura, como por exemplo, o desconto automático em folha de pagamento, caixinhas de arrecadação no refeitório ou doação para uma comissão voluntária. “Sempre recebemos muitas consultas de pequenos e médios empresários que gostariam de ajudar ao Teleton. Por isso, criamos esta campanha que pode ser abraçada por empresas de todos os tamanhos e que possibilita o envolvimento dos funcionários”, explica Angelo Franzão Neto, vice-presidente da AACD voluntário e diretor-geral do Teleton.

Participação do setor – O Teleton é uma das principais campanhas voluntárias da SPCom. Nos dois últimos anos, a empresa realizou um mutirão em prol da solidariedade. Todos os funcionários da companhia atenderam, de forma voluntária, as doações acima de R$ 20 que eram realizadas pelo 0800. Parentes e amigos dos atendentes também puderam participar da maratona. Ao todo mais de 3600 pessoas se revezaram durante as 27 horas do programa.

“Com seriedade, nossa equipe se mostrou solidária aos trabalhos realizados pela Assistência à Criança Deficiente (AACD). Nosso índice de aproveitamento das ligações chegou a 88% e conseguimos arrecadar exatamente R$ 2.642.430 milhões. Com esses resultados, contribuímos para a construção de uma nova sede da entidade na cidade catarinense de Joinville, além da manutenção de outros sete centros de reabilitação”, afirma a presidente e fundadora da SPCom, Alexandra Periscinoto.

Outra empresa que participou do Teleton 2005 foi a Meta Soluções Comerciais, que enviou mais de 100 voluntários para auxiliarem no telemarketing do projeto. Jovens que trabalham no telemarketing ativo da empresa participaram da captação de doações por telefone, na SPCom. “A Meta Soluções Comerciais já participou de outras edições do Teleton, porém ano passado praticamente dobramos o número de voluntários”, ressalta Fábio Carvalho, gerente de Gestão de Pessoas da Meta.