TMKT adota escola estadual

0
13


Cuidar do próprio “quintal”. Ou seja, abraçar uma causa social que envolva o benefício da comunidade. Segredo de muitas ações bem sucedidas no terceiro setor, este também é o princípio que move o exercício da responsabilidade social na TMKT. Prova disso, é a ação da empresa de adotar a Escola Estadual Godofredo Furtado, no mesmo quarteirão da empresa, localizado no bairro de Pinheiros, zona Oeste de São Paulo. Nela, a empresa desenvolve o projeto Empresa-Escola, em que oferece um curso preparatório para inserção no mercado de trabalho.

A proposta dessa iniciativa social reúne, além da capacitação para o mercado de trabalho, a oportunidade do primeiro emprego. Exemplo disso é a absorção imediata, pela própria TMKT, de aproximadamente 50% dos estudantes que concluíram o curso. “Nossa intenção com o projeto é oferecer realmente uma chance a estes jovens”, explica Aparecida Carvalho, gerente de recursos humanos da empresa. “Por isso, investimos em duas frentes: capacitação e colocação. É uma forma para que os jovens terminem os estudos e já ingressem na vida profissional pela porta da frente”, acrescenta a executiva.

São duas turmas por semestre, uma no período das 12h30 às 13h30, que aproveita o intervalo das aulas regulares na escola e outra no final da tarde, das 18h às 19h, que acontece antes das aulas do período noturno. Há envolvimento efetivo tanto dos alunos, quanto da própria diretoria da escola que divulga a oportunidade aos pais dos estudantes, fortalecendo a parceria. “Oferecemos aos alunos um treinamento focado nas necessidades diárias do ambiente de trabalho. Nosso objetivo é realmente prepará-los para o início de uma carreira bem sucedida”, afirma Aparecida. Além das ações com os alunos, a TMKT investiu na reforma do laboratório de informática da escola.

Durante as aulas, o aluno aprende desde conceitos de informática, panorama sobre o mercado de trabalho, conceitos sobre a história do telemarketing, informática, aulas de telemarketing e língua portuguesa. São 64 horas de curso, dividas em seis meses de imersão total, que envolvem o trabalho dedicado de professores e supervisores voluntários, integrantes do staff da TMKT. As turmas, que compreendem alunos de 18 a 35 anos, são formadas por estudantes do 3º ano do Ensino Médio e do Supletivo da escola.

No próximo dia 15 de dezembro, será a formatura dos alunos do 2º semestre. Realizada no auditório da escola, com a presença dos alunos, pais, professores, gestores do projeto, representantes da TMKT, a cerimônia entregará oficialmente aos formandos o certificado de capacitação profissional. Em 2006, o “Projeto Escola-Empresa” encerra o ano com ótimos resultados. Foram formados 60 alunos, 36% mais alunos do que em 2005, sendo que destes, aproximadamente 19 serão absorvidos pela própria TMKT. “O segredo é acreditar e investir no potencial das pessoas. Assim, naturalmente elas crescem tanto pessoalmente como profissionalmente”, destaca Aparecida.