As mais lembradas da telefonia móvel

0
0


O Instituto Qualibest entrevistou 2.106 pessoas, entre os dias 8 e 16 de novembro, com a finalidade de saber o grau de satisfação dos internautas em relação aos aparelhos celulares, além de avaliar as marcas mais lembradas, mais usadas e preferidas. A primeira marca que vem espontaneamente à mente dos entrevistados quando se fala em aparelho celular é a Nokia, com 42%, seguida pela Motorola, com 27%, Samsung e LG, com 7% cada, e Siemens, com 5%. A Nokia possui maior incidência de ´Top of Mind´ nas regiões Sul, Nordeste, Centro Oeste e Norte, enquanto que Motorola destaca-se no Estado de São Paulo, e entre as pessoas de 33 a 40 anos.

No fator lembrança estimulada, ou seja, partindo de uma lista de opções pré-definidas de marcas de celulares, Nokia e Motorola são conhecidas por 98% das pessoas, seguidas pelas marcas Samsung (95%), LG (94%), Siemens (93%), Sony Ericsson (90%), Gradiente (86%), Kyocera (48%) e Pantech (38%). A Nokia foi também apontada como a marca preferida por 35% dos internautas e a Motorola ficou em segundo lugar, com 29% das menções. Na seqüência, apareceram a Samsung, com 11%, a LG, com 9%, Sony Ericsson, com 8%, Siemens, com 5%, Gradiente, com 2% e Pantech, com 1%.

Dá status para quem usa seus produtos, é popular, investe em responsabilidade social, têm modelos confiáveis e aparelhos de qualidade, e enfim, é para pessoas como eu – assim os entrevistados associam a imagem dos aparelhos da marca Nokia. Samsung e Motorola, por sua vez, são dinâmicas, modernas, sofisticadas, ditam as tendências da telefonia celular, estão na moda, são líderes, inovadoras, e fazem excelentes propagandas. Por fim, a Sony Ericsson é tida como tradicional, séria demais, e com modelos de design pouco atraente.

Entre todos os entrevistados, 69% possuem celulares pré-pagos, 27% usam o pós-pago e 4% não possuem aparelhos. Entre os que têm celular, 29% utilizam Motorola, 28% usam Nokia e 12% têm Siemens. Depois, apareceram as marcas LG e Samsung, com 10% cada, Sony Ericsson e Gradiente, com 4% cada, Pantech, Kyocera e outros, com 1% cada.

Em relação à satisfação dos usuários com o atual fabricante do aparelho de celular, 32% dos entrevistados afirmaram estar muito satisfeitos e em uma escala de 1 a 5, deram nota 5. Apenas 9% disseram estar nada contentes e deram a nota 1 para o fabricante. Cerca de 89% dos entrevistados já tiveram um celular anterior. Nokia e Motorola são as marcas que os usuários mais ´migram´ em relação ao modelo anterior, não importando qual era o fabricante anterior.