Atendimento rápido

0
28
O Brasil e o mundo estão em um momento no qual a rapidez da informação se tornou algo comum. E isso não é diferente no relacionamento entre empresa e cliente. O consumidor quer uma resposta rápida e, ao mesmo tempo, eficaz quando tem alguma dúvida ou quando deseja um serviço diferenciado. “O cliente demanda um relacionamento mais próximo, direto e rápido com as empresas, de modo que seus desejos e anseios sejam considerados no desenvolvimento de produtos e que seus eventuais problemas sejam solucionados de maneira ágil”, afirma Wagner Kool Monteiro, gerente de estratégia e informações da Suvinil. 
Outro ponto que o gerente destaca é a influência da nova realidade brasileira, que transformou o cidadão em um consumidor mais voraz e exigente. “O fortalecimento da economia no país trouxe maior poder aquisitivo, facilidades ao crédito e, consequentemente, mais acesso da população aos meios de comunicação. Hoje, não é mais necessário usar os canais de comunicação oficiais de uma empresa para ser ouvido, a internet deu voz e visibilidade ao consumidor”, afirma. Claro que essa mudança também tem pontos positivos, como a maior transparência na relação entre os dois lados. “A empresa passa a saber de forma mais clara as necessidades do cliente e, por outro lado, o consumidor tem seus desejos atendidos”, diz Monteiro.
Porém, dentro desse contexto de avanços tecnológicos, é importante lembrar um dos pontos primordiais para o negócio: um bom produto. Sem ele, não adianta criar ações mirabolantes de marketing ou possuir o melhor atendimento possível. “Os bons resultados de uma empresa dependem sempre da boa aceitação que os produtos e a marca têm entre os consumidores. No caso de Suvinil, por exemplo, nos preocupamos muito na escolha da cor, pois a tinta influencia o humor da pessoa”, exemplifica o gerente.