Cultura de gestão de clientes amadureceu

0
3

Hoje, já não é preciso convencer o corpo funcional da importância do marketing de relacionamento. Essa cultura foi absorvida como estratégia necessária para o desenvolvimento das empresas, de acordo com o diretor geral da Accentiv’ Mimética, Sérgio Marcondes. Em entrevista exclusiva, o executivo comenta essa evolução da última década.
ClienteSA – Quais as principais mudanças que enxerga do mercado nesses últimos 10 anos?
Sérgio Marcondes – Antigamente, em qualquer abordagem para oferta de serviços de marketing de relacionamento, mais da metade da primeira reunião era de aculturamento. Era preciso mostrar porque a empresa devia investir em uma campanha de incentivo ou um programa de fidelidade. Tínhamos que deixar claro a importância de se relacionar com clientes e colaboradores. Hoje, o mercado já está preparado para comprar esse serviço. Ninguém mais faz uma apresentação justificando o porquê do serviço. O mercado virou um comprador qualificado.
Quem era a Contax há 10 anos e quem ela é hoje?
Há 10 anos, tínhamos a Accentiv, que era muito voltada a produtos de premiação. Após a fusão com a Mimética, ela se tornou uma empresa com soluções que vão efetivamente de ponta a ponta. Houve mudança efetiva no modelo de negócios. Deixamos de ser provedor de soluções para ser prestador de serviços. Migramos de um pedaço do processo para o processo inteiro. Isso também se replicou para programas de relacionamento, fidelidade e produtos pré-pagos. Foi uma mudança radical.