iThink cria portal de serviços para Basf

0
1

No último ano, apesar de ter havido retração no mercado de e-business, o segmento de intranet apresentou franco crescimento. Isso se deu em função de as empresas enxergarem na intranet uma importante ferramenta de redução de custos operacionais e de otimização na relação empresa-funcionário. Atenta nisso, a indústria química Basf resolveu investir no segmento. Para isso, contratou a consultoria iThink para traçar um plano de implementação do Portal de Serviços para seus colaboradores.

Por meio da metodologia iPlan, a iThink mapeou o modelo atual de distribuição de informação e fornecimento de serviços aos funcionários e analisou, junto às áreas de negócio da empresa, os serviços mais úteis e aderentes aos objetivos corporativos da Basf. O trabalho desenvolvido pelos consultores da iThink levou em consideração a situação encontrada nas páginas das unidades de negócios e de serviços da intranet da Basf e suas reais necessidades para definir as estratégias do projeto.

De acordo com Luiz Trindade, sócio-diretor da iThink, a estrutura encontrada na intranet não facilitava o acesso ao conteúdo disponibilizado. “A dificuldade em encontrar o conteúdo desejado leva o colaborador a optar por outras fontes de informação e isto faz com que os serviços hoje disponibilizados estejam subutilizados”. Para ele, as empresas precisam promover uma nova cultura digital como forma de ganho efetivo de produtividade. “Quando um colaborador utiliza o telefone para buscar uma informação ou solicitar um serviço comoditizado, ele estará consumindo muitos recursos (humanos e de infra-estrutura) que poderiam estar focados no efetivo desenvolvimento do negócio, tônica de um mercado cada vez mais competitivo e com folhas de pagamento cada vez mais enxutas”.

A Basf já planejava desenvolver um portal centralizando todos os serviços e informações para seus colaboradores. Diante dessa idéia, a iThink definiu um roteiro de implementação das iniciativas para os próximos 12 meses. Trindade destaca que questões como promover identificação do colaborador com a empresa, uniformizar as informações distribuídas, alinhar o conhecimento sobre os processos e procedimentos adotados pela empresa, e reduzir os custos de serviços das áreas de suporte, principalmente de Recursos Humanos, podem ser solucionadas com a adoção do portal. Com a implementação do novo portal, a Basf pretende reduzir os custos de desenvolvimento e gestão das iniciativas, garantir a sustentabilidade do portal no longo prazo, aumentar a sinergia entre as unidades e áreas de negócios e alinhar as iniciativas com os objetivos da corporação.